Homem que perseguia ex-mulher é preso por crime de stalking, em Goianésia

A vítima já havia solicitado medidas protetivas de urgência, em agosto, mas o ex-companheiro não respeitava a decisão judicial

Postado em: 19-10-2021 às 09h02
Por: Giovana Andrade
A vítima já havia solicitado medidas protetivas de urgência, em agosto, mas o ex-companheiro não respeitava a decisão judicial. | Foto: Polícia Civil do Estado de Goiás

Um homem de 28 anos foi preso em Goianésia, na última sexta-feira (15/10), por perseguir reiteradamente sua ex-companheira, com quem conviveu por aproximadamente sete anos.

A vítima procurou a Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) de Goianésia em agosto deste ano e solicitou medidas protetivas de urgência. No entanto, o ex-companheiro não respeitava a decisão judicial. Na madrugada do dia 15, o homem pulou o muro da casa da ex-mulher e proferiu ameças de morte contra ela.

O homem deve responder pelos crimes de perseguição, invasão de domicílio e descumprimento de medida protetiva de urgência. O crime denominado stalking foi inserido no Código Penal em março de 2021 e prevê pena de reclusão de 6 meses a 2 anos para quem perseguir alguém.

Veja Também