Quinta-feira, 08 de junho de 2023

Passaporte de vacinação é solicitado para retorno de aulas em universidades federais goianas

Por meio de ofício, entidades ligadas à educação e de estudantes solicitam que seja implantada imediatamente o passaporte de vacinação para o

Postado em: 04-11-2021 às 12h57
Por: Nielton Soares
Entidades de professores e estudantes mandam ofício para reitorias exigindo que todos apresentem comprovantes de vacinação contra a Covid-19 para ingressar nas instituições | Foto: reprodução

Por meio de ofício, entidades ligadas à educação e de estudantes solicitam que seja implantada imediatamente o passaporte de vacinação para o retorno de aulas presenciais nas universidades federais em Goiás.

No documento é ressaltado que a vacinação completa de todos, professores, técnicos e alunos, é importante para evitar a disseminação do vírus, sendo necessário a obrigatoriedade de comprovantes de imunização contra a Covid-19 para ingressar nas instituições.

“O descaso com a necessidade de vacinação e a falta de exigência não oferecem segurança para o retorno presencial das aulas, podendo levar a resultados desastrosos, como surtos de contaminação e mesmo à óbitos”, cita trecho do ofício.

Continua após a publicidade

Nesse sentido, as entidades mencionam que exemplos de instituições que têm aderido à prática de exigir o passaporte, como Tribunal Superior do Trabalho (TST). “Compreendemos que o passaporte de vacinação é uma necessidade para um retorno seguro”, entendem.

“Por isso, exigimos que a UFG, UFJ e UFCat não apenas cobrem das autoridades competentes, como também estabeleça uma normativa interna que torne a vacinação obrigatória para o acesso e permanência nas dependências da universidade para que possamos ter um retorno seguro, valorizando a vida e nos amparando na Ciência”, acrescenta o texto.

Entidades

O texto é assinado pelo Sindicato dos Docentes das Universidades Federais de Goiás (Adufg-Sindicato), o Sindicato dos Trabalhadores Técnico-Administrativos em Educação das Instituições Federais de Ensino Superior do Estado de Goiás (SINT-IFESgo) e o Diretório Central dos Estudantes da Universidade Federal de Goiás (DCE-UFG).

O ofício foi direcionado para as reitorias da Universidade Federal de Goiás (UFG), Universidade Federal de Jataí (UFJ) e Universidade Federal de Catalão (UFCat).

Veja Também