PC prende suspeitos de falsificarem documentos para facilitar liberação de colegas presos

Foram apreendidos aparelhos celulares, computadores e também duas armas de fogo, acompanhadas de munições.

Postado em: 16-12-2021 às 09h21
Por: Ícaro Gonçalves
Foram apreendidos aparelhos celulares, computadores e também duas armas de fogo, acompanhadas de munições | Fotos: Divulgação/ PCGO

A Polícia Civil de Goiás (PCGO) prendeu na manhã desta quinta-feira (16/12) dois homens suspeitos de invadirem sistemas de informação e falsificarem documentos públicos. Com a prática, os acusados facilitavam a liberdade de outros criminosos condenados a altas penas de reclusão.

A investigação ocorreu por meio da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Cibernéticos (DERCC). Foram cumpridos dois mandados de prisão preventiva contra um morador de Goiânia e outro de Trindade, e três mandados de busca e apreensão.

Durante as buscas foram apreendidos aparelhos celulares, computadores e documentos que auxiliarão nas investigações, e também duas armas de fogo, acompanhadas de munições.

Continua após a publicidade

Segundo a PCGO, os dois investigados estavam presos até pouco tempo atrás, em cumprimento de penas de reclusão em unidades prisionais de Goiás, pela condenação de outros delitos como extorsão, associação criminosa e receptação de produtos roubados.

A Operação Mandaces foi coordenada pela DERCC, com o apoio da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (CORE/GT3) e com equipe da DENARC.

Veja Também