Nova rede de alta tensão da Enel deve reforçar energia em 24 cidades do Nordeste goiano

Postado em: 16-12-2021 às 15h07
Por: Carlos Nathan Sampaio
Empreendimento busca garantir suprimento de energia elétrica em Goiás, demanda defendida pelo governador Ronaldo Caiado, que estava presente no evento de inauguração | Foto: Lucas Diener

O governador Ronaldo Caiado participou, nesta quinta-feira (16/12), da solenidade de inauguração da nova linha de distribuição de alta tensão da Enel Goiás, na Subestação Itiquira, em Formosa, no Entorno do Distrito Federal. De acordo com dados da companhia, a estrutura atenderá 24 municípios do Nordeste Goiano, com um investimento de R$ 40 milhões por parte da Enel. A obra vem ao encontro das tratativas de Caiado, junto à companhia, para que o serviço prestado pela empresa, em Goiás, apresente maior qualidade.

Para o governador, com a energização da linha, aliada aos projetos e estudos encabeçados pelo Governo do Estado, a região será um polo de fruticultura no País. “Goiás necessita de energia, nós precisamos crescer e não podemos esperar”, alertou ao pontuar que, com credibilidade, teve o reconhecimento da Enel em antecipar cronograma de investimentos no Estado.

Caiado projeta um ano de solidez e de crescimento. “Goiás vai ser o Estado que mais vai brilhar nessa nação, fizemos a tarefa de casa”, disse.

A entrega da Linha de Distribuição de Alta Tensão (LDAT) Brasília Leste – Itiquira é considerada uma das mais importantes realizadas pela Enel desde que chegou a Goiás. A projeção da empresa é atender 163 mil clientes. Com 56 quilômetros de extensão, a nova estrutura conecta a Subestação Brasília Leste, no Distrito Federal, à Subestação Itiquira, em Formosa.

Caiado avaliou ainda que a ação, direcionada a uma das regiões mais carentes do Estado, soma para garantir os objetivos do Executivo, em especial a promoção da igualdade entre os goianos. “Nós vamos estender as mãos e trabalhar para que realmente o goiano se sinta em condição de cidadania e possa, cada vez mais, viver com dignidade no nosso Estado”, defendeu.

“Vamos chegar nas pessoas, não é possível ter um Goiás desenvolvido e um Goiás carente”, destacou o governador. Ao pontuar a estratégia de governar para todos, Caiado ponderou sobre o histórico de esquecimento da região. “A verdade é que o Nordeste sempre foi uma grande matéria de campanha eleitoral. Quem já investiu no Nordeste?”, questionou ao citar o leque de ações implementadas na região, entre rodovias, pontes e investimentos em educação.

“Hoje é um grande momento, sim, porque não tinha como o Nordeste implantar desenvolvimento se não tiver energia elétrica, se não tiver água tratada, rodovia, ponte, investimento”, listou o governador.

Para o secretário-geral da Governadoria, Adriano da Rocha Lima, a infraestrutura é essencial para que haja desenvolvimento. “Sem a infraestrutura, todo o potencial ali contido fica retido”, avaliou. Ele acrescentou que os avanços refletem as negociações do Executivo para diminuir as carências no setor. “A marca desse governo é sempre trazer dignidade para a população do Estado. Como já disse o governador, que não troca vida por votos, ele também não troca melhoria de infraestrutura por interesses pessoais”, defendeu.

Prioridade

Caiado tem alertado sobre o suprimento de energia elétrica, que tem sido “o grande gargalo” para o crescimento de Goiás. Dados da Enel apontam que todo o Nordeste Goiano contava com uma única rede de alta tensão, que não garantia atendimento para unidades consumidoras como grandes comércios, indústrias ou propriedades rurais. “Essa subestação de Itiquira vai dar à região capacidade de viabilizar investimentos e gerar emprego, que é o que nós precisamos nesse 2022”, declarou o governador.

Segundo a concessionária, a nova estrutura foi concluída em tempo recorde, já que a previsão de término era o final de 2022. Para o diretor de Alta Tensão da Enel Brasil, Fernando Andrade, o tempo de execução tornou-se uma referência para a companhia, em especial pelos “desafios geográficos e fundiários” encontrados na região.

“Abraçamos esse desafio e buscamos fazer em menor tempo. Da primeira escavação até o último lançamento de cabo, foram sete meses”, afirmou Fernando Andrade. “Essa entrega é muito impactante”, concluiu.

Para o presidente da Enel Goiás, José Nunes, trata-se de uma obra que “vai além das fronteiras” do município. “Inauguramos uma linha de transmissão que desafoga a região, seja a parte turística ou a econômica, com as novas indústrias que começam a se instalar”, afirmou.

O diretor de Infraestrutura e Redes da Enel Goiás, José Luis Salas, lembrou as tratativas com o governador, cuja predominância foi a “dignidade dos goianos”. “Ficou claro para mim que meu objetivo, como líder, como responsável em uma empresa privada, não era apenas instalar postes e redes, mas sim poder levar essa dignidade para a população goiana”, destacou. “Precisamos fazer uma transformação profunda do sistema de energia elétrica de Goiás. E, por isso, o mapa de Goiás está se transformando em um canteiro de obras”, completou.

Esperança

O prefeito de Formosa, Gustavo Marques, agradeceu o compromisso com a região. “Essa nova linha vem trazer não só energia, vem trazer o carinho do Governo, junto com a Enel, vem trazer esperança a nossa região e nossa cidade”, frisou.

Já o prefeito de Monte Alegre de Goiás, Felipi Campos, em nome dos demais municípios da região, agradeceu o empenho do governador ao priorizar a localidade. “O Nordeste Goiano está dentro do mapa graças ao senhor, governador”, ressaltou. “Essa expansão vai proporcionar o desenvolvimento não só para a minha cidade, mas para todo o Nordeste Goiano”, defendeu ao falar da energização da linha.

Para o deputado estadual, Tião Caroço, as ações devem ser enaltecidas, mas em paralelo, é importante “reconhecer que há muito trabalho a se fazer”. O parlamentar reforçou a posição estratégica que a prestação de serviço da companhia ocupa para o progresso do estado. “O povo de Goiás está na mão de vocês, o agronegócio e a sobrevivência do nosso povo”, afirmou.

Estiveram presentes ainda à solenidade a primeira-dama de Formosa, Caroline Oliveira; o vice-prefeito Samir de Oliveira; o presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Nema (Acinemar Gonçalves Costa); e os vereadores Marquim Araújo, Cátia Rodrigues, Simone Ribeiro, Professor Shinayder, Filipe Vilarins, Joelson Trovão, Mundim (Edmundo Nunes Dourado), Roberta Brito, Com de Paiva e Índio de Assis.

Também marcaram presença o prefeito de Alto Paraíso, Marcos Rinco; o procurador de Planaltina, Gilson dos Santos, o secretário parlamentar Genedir Ribas, representante do deputado federal José Mário Schreiner, os comandantes do 11º Comando Regional da Polícia Militar, coronel Carlúcio Coppolla, e do 9º Comando Regional do Corpo de Bombeiros Militar, tenente-coronel Douglas Castilho de Queiroz, produtores rurais e servidores da Enel.

Compartilhe: