Barbeiro suspeito de matar companheira por ciúmes é denunciado pelo MPGO, em Indiara

A vítima foi morta a facadas na residência do casal, na cidade de Indiara, em 20 de dezembro de 2021.

Postado em: 04-01-2022 às 08h33
Por: Ícaro Gonçalves
A vítima foi morta a facadas na residência do casal, na cidade de Indiara, em 20 de dezembro de 2021 | Foto: Reprodução

O Ministério Público de Goiás (MPGO) ofereceu denúncia ao Poder Judiciário contra o barbeiro Samuel Batista dos Santos, acusado de ser o responsável pela morte de sua ex-companheira, Raiane Ferreira da Silva. Raiane foi morta a facadas na residência do casal, na cidade de Indiara, em 20 de dezembro de 2021.

Segundo a denúncia, oferecida pelo promotor de Justiça Augusto Henrique Moreno Alves, o feminicídio teria sido motivado por ciúmes por parte de Samuel. O promotor relata que a relação do casal era conturbada, com Samuel frequentemente demonstrando comportamentos agressivos.

No dia do crime, o autor “demonstrou intenso nervosismo ao saber que alguém teria curtido uma foto da vítima em seu perfil na rede social Instagram”, relatou o promotor. Por volta das 22 horas, o casal iniciou uma discussão, durante a qual Raiane gritava por ajuda e pedia para que Samuel não machucasse o filho do casal, de apenas sete meses.

Continua após a publicidade

Samuel teria então se armado com uma faca golpeado a vítima no pescoço e na cabeça. Os ferimentos ocasionaram a morte de Raiane. Samuel já responde por crime de ameaça praticada em contexto de violência doméstica contra Raiane. O crime, na ocasião, também foi motivado por ciúmes. 

Veja Também