Operação Carnaval 2022 em Goiás começa com forte esquema de segurança nesta sexta-feira

Forças de segurança montam esquema especial para o Carnaval para garantir segurança nos municípios e rodovias estaduais e federais

Postado em: 24-02-2022 às 08h27
Por: Redação
Forças de segurança montam esquema especial para o Carnaval para garantir segurança nos municípios e rodovias estaduais e federais | Foto: Reprodução

Por Ítallo Antkiewicz

A Operação Carnaval 2022 em Goiás, esquema especial de segurança elaborada pela Polícia Militar e Polícia Civil, tem como objetivo prevenir e coibir ações criminosas, garantir a proteção à vida, ao patrimônio, bem como a segurança e a tranquilidade social e o cumprimento das medidas de biossegurança. E ainda evitar aglomerações de pessoas entre os dias 25 de fevereiro e 2 de março, período de feriado de carnaval.

Comandante Geral da Polícia Militar do Estado de Goiás, o coronel Renato Brum dos Santos acredita que por conta do cancelamento dos festejos de carnaval nas ruas, os foliões devem aproveitar o feriado prolongado para viajar para cidades turísticas do interior do Estado, como Caldas Novas, Cidade de Goiás e Pirenópolis. Por conta disso, haverá o aumento do fluxo de veículos nas rodovias, aglomerações nesses municípios, com consequente ameaça de contaminação pelo coronavírus.

Continua após a publicidade

Nesse período, a Polícia Militar vai intensificar o policiamento ostensivo em todas as cidades de Goiás, dando prioridade para as ações de caráter preventivo. O objetivo é impedir ocorrências de ilícitos e de ações que comprometam a segurança das pessoas, que violem o patrimônio, afetem a tranquilidade da população ou que gerem aglomerações.

O comandante da Guarda Civil Metropolitana de Goiânia, Wellington Paranhos Ribeiro, destacou que durante o período de carnaval será intensificado o combate a som alto ou volume excessivo em automóveis, além de motos com torbal, escapamento que provoca ruídos de grande intensidade.

“Também pretendemos abordar motociclistas que utilizam o torbal, equipamento responsável em produzir grande barulho. Muitos moradores da cidade reclamam desses ruídos que são ilegais. Teremos ajuda da Polícia Militar na abordagem. Em caso de desobediência, poderemos sugerir a detenção dos infratores, faremos ocorrências nas delegacias de Polícia Civil, além de apreender essas motos e carros”, afirma Ribeiro.

Equipes da Diretoria de Inteligência da Polícia Militar (DIPM) estarão em campo realizando levantamentos dos prováveis locais onde poderão ocorrer festas clandestinas ou aglomerações. As informações serão repassadas para as equipes em atuação nas ruas, que irão agir com rigor. Estão previstas blitz, batidas policiais e fiscalizações a estabelecimentos comerciais.

Participam da Operação Carnaval 2022 o Batalhão de Operações de Choque, o Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), o Esquadrão Independente de Polícia Militar Montada – Cavalaria (EIPMMC) e o Batalhão de Polícia Militar de Trânsito (BPMT). A Polícia Militar Ambiental (PMA) também participará, fiscalizando todos os tipos de crimes ambientais, com ações voltadas à preservação do meio ambiente.

Polícia Civil

Para atender a demanda que deve ocorrer entre a sexta-feira (25) e a quarta-feira de cinzas (2), a Polícia Civil irá reforçar o efetivo das delegacias de Goiânia, subordinadas ao Departamento de Polícia da Capital (DPC), as delegacias do Departamento de Polícia Especializada (DPE) e também das unidades localizadas nos municípios do interior, diretamente ligadas ao Departamento de Polícia do Interior (DPI).

As ações da Polícia Civil contam ainda com reforço das equipes do Departamento de Inteligência Policial (DIP) e do Departamento de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado (Dracco). O objetivo é atuar de forma repressiva aos ilícitos penais e realizar operações de inteligência, visando identificar autores de crimes e organizações criminosas.

Durante a Operação Carnaval 2022 a Polícia Civil irá intensificar as ações para o comprimento de mandados de prisão expedidos em desfavor de acusados da prática de furtos, roubos e estelionatos. Além disso, os policiais civis irão monitorar de perto presos com autorização de saídas temporárias e fiscalizar o cumprimento do toque de recolher decretado pelo governador Ronaldo Caiado.

A Polícia Civil intensifica ainda as fiscalizações em clubes e estabelecimentos comerciais, especialmente no que diz respeito aos alvarás de funcionamento e certificados de vistorias do Corpo de Bombeiros Militar, que atestem o cumprimento dos itens de segurança desses locais. Em Goiânia e Aparecida de Goiânia serão mantidos durante o feriado de Carnaval os plantões nas Delegacias e da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher.

Veja Também