Goiás conta com 92 municípios no Mapa do Turismo com 19 novas cidades; veja lista

Postado em: 29-03-2022 às 16h05
Por: Rodrigo Melo
Parque Estadual de Terra Ronca, em São Domingos (GO), é um dos mais belos destinos turísticos da América Latina | Foto: Ministério do Turismo

A Goiás Turismo, divulgou nesta segunda-feira (28/3) o novo Mapa do Turismo, que passa a contar com 92 municípios, distribuídos em 10 regiões turísticas. De acordo com a Agência Estadual de Turismo, seis cidades saíram e outras 19 entraram para o Mapa.

Os novos integrantes são: Anicuns, Buriti de Goiás, Buritinópolis, Cocalzinho, Divinópolis, Doverlândia, Flores de Goiás, Guarani de Goiás, Ipameri, Itapuranga, Luziânia, Mossâmedes, Nova Roma, Nova Veneza, Novo Gama, Palmelo, Posse, Simolândia e Uruana. Já os municípios de Aparecida de Goiânia, Caldazinha, Catalão, Portelândia, Terezópolis de Goiás e Urutaí não enviaram a documentação exigida e saíram da lista. O município de Baliza trocou de região e passa a integrar a “Pegadas no Cerrado”.

As 10 regiões turísticas agora são Vale do Araguaia, Ouro e Cristais, Chapada dos Veadeiros, Negócios e Tradições, Pegadas no Cerrado, Estrada de Ferro, Lagos do Paranaíba, Águas e Cavernas do Cerrado, Vale da Serra da Mesa e Águas Quentes.

Foto: Goiás Turismo

Entre os critérios estabelecidos pelo Ministério do Turismo para compor o Mapa estão a comprovação da existência do órgão ou entidade responsável pelo setor; destinar dotação para o turismo na lei orçamentária anual; possuir Conselho Municipal de Turismo ativo e comprovar a existência de uma Instância de Governança Regional. Os dados enviados pelos municípios foram validados pela Goiás Turismo e homologados pelo Mtur.

Novos municípios

Foto: Prefeitura de Palmelo

O município de Palmelo, conhecido como a Capital Espírita do Brasil, entrou pela primeira vez para o mapa. Para se ter ideia, em 2018 a economia saltou 247,3%. No mesmo período, a capital Goiânia teve um incremento de 411% nesse indicador. Fundado em 1929, o Centro Espírita Luz da Verdade, unidade deu origem à cidade, de completou no dia 9 de março, 93 anos.

Com quase um século de atuação, a unidade, que segue a linha kardecista, recebe diversas pessoas, dentre elas, personalidades famosas, de todo o Brasil e até mesmo do exterior.

A Região das Águas e Cavernas do Cerrado é a que agrega o maior número de municípios. São 11 destinos com vocação para o Ecoturismo – com Cerrado preservado, rios, cachoeiras e cavernas – uma tendência mundial no cenário pós pandemia. Outro destaque é o município de Ipameri, da Região da Estrada de Ferro, que foi o primeiro a enviar a documentação e comemora por retornar ao Mapa do Turismo.

Confira os municípios que integram o Mapa do Turismo Brasileiro/ Goiás:

  • Região Turística da Chapada dos Veadeiros: Alto Paraíso de Goiás, Cavalcante, Colinas do Sul, São João d’Aliança, Teresina de Goiás
  • Região Turística da Estrada de Ferro: Bonfinópolis, Goiandira, Ipameri, Leopoldo de Bulhões, Orizona, Palmelo, Pires do Rio, Santa Cruz de Goiás, Silvânia, Vianópolis
  • Região Turística das Águas e Cavernas do Cerrado: Buritinópolis, Damianópolis, Divinópolis de Goiás, Flores de Goiás, Formosa, Guarani de Goiás, Mambaí, Nova Roma, Posse, São Domingos, Simolândia
  • Região Turística das Águas Quentes: Caldas Novas, Piracanjuba, Rio Quente
  • Região Turística do Ouro e Cristais: Abadiânia, Alexânia, Buriti de Goiás, Campos Verdes, Cocalzinho de Goiás, Corumbá de Goiás, Cristalina, Goianésia, Goiás, Itapuranga, Jaraguá, Luziânia, Mossâmedes, Novo Gama, Pirenópolis, São Francisco de Goiás, Uruana, Valparaíso de Goiás, Vila Propício
  • Região Turística dos Negócios e Tradições:  Anápolis, Anicuns, Bela Vista de Goiás, Goiânia, Hidrolândia, Nerópolis, Nova Veneza, Trindade
  • Região Turística Lagos do Paranaíba: Buriti Alegre, Cachoeira Dourada, Caçu, Itumbiara, Lagoa Santa, Quirinópolis , São Simão, Três Ranchos
  • Região Turística Pegadas no Cerrado: Aurilândia, Baliza, Bom Jardim de Goiás, Caiapônia, Chapadão do Céu, Doverlândia, Jandaia, Jataí, Maurilândia, Mineiros, Paraúna, Perolândia, Piranhas, Rio Verde, Santa Rita do Araguaia, Serranópolis, Turvelândia
  • Região Turística Vale da Serra da Mesa: Minaçu, Niquelândia, Padre Bernardo, Porangatu, Uruaçu
  • Região Turística Vale do Araguaia: Aragarças, Aruanã, Britânia, Mundo Novo, Nova Crixás, São Miguel do Araguaia.
Compartilhe: