Procon Goiânia aponta variação de quase 150% em produtos para Páscoa; confira as orientações

A maior diferença encontrada em relação aos ovos de chocolate foi de 56,37% no produto de 166 gramas com brinquedos, que custa entre R$ 47,90 e R$ 74,90

Postado em: 05-04-2022 às 12h20
Por: Alexandre Paes
A maior diferença encontrada em relação aos ovos de chocolate foi de 56,37% no produto de 166 gramas com brinquedos, que custa entre R$ 47,90 e R$ 74,90 | Foto: Reprodução/Internet

Com a época mais gostosa do ano se aproximando, as delicias de chocolate ficam cada vez mais caras. E uma pesquisa do Procon Goiânia que foi realizada em oito supermercados da capital revelou uma variação de até 149,75% nos preços de produtos para a Páscoa. Foram comparados os preços de 38 produtos, como caixa de bombons, ovos de chocolates, tabletes e barras de diversas marcas, tipos e modelos. Confira a pesquisa completa.

A maior diferença encontrada em relação aos ovos de chocolate foi de 56,37% no produto de 166 gramas com brinquedos, que custa entre R$ 47,90 e R$ 74,90. Já os ovos de 172 gramas apresentam variação de 47,12%, com preços que variam entre R$ 33,98 e R$ 49,99. Já os ovos de 257 gramas apresentam diferença de 17,19%, e de 90 gramas, 15,86%.

Nas caixas de bombons, a maior diferença foi de 43,49% e o produto pode custar entre R$ 8,99 e R$ 12,90. O consumidor que optar por chocolates, tabletes e barras precisa ficar atento, pois a variação de preço chega a 149,75%, no caso de um coelho em formato de chocolate, que pode custar entre R$ 4 a R$ 10.

Continua após a publicidade

Na comparação dos produtos comuns entre as pesquisas de 2022 e 2021 constatou-se que houve, em média, acréscimo no preço médio nos bombons de 2,36% e, nos ovos de Páscoa de 19,53%. A pesquisa foi realizada em oito supermercados, entre os dias 28 de março e 1º de abril de 2022.

Orientações ao Consumidores
O órgão orienta o consumidor a pesquisar e comparar os preços praticados por diferentes estabelecimentos, considerando a relação qualidade e peso do item a ser adquirido. Se o orçamento estiver apertado, as caixas de bombons e tabletes de chocolates podem substituir os tradicionais ovos de Páscoa, mas, é importante ficar atento ao preço e verificar qual produto encaixa no orçamento.

Ovos de Páscoa que trazem brinquedos em seu interior devem apresentar na embalagem a frase “Atenção: contém brinquedo certificado no âmbito do Sistema Brasileiro da Avaliação da Conformidade”.

Também é obrigatória a indicação de faixa etária ou, se for o caso, frase que informe que não existe restrição. O brinquedo deve ter o selo do Inmetro na embalagem, identificação do fabricante ou importador (nome, CNPJ, endereço), instruções de uso e de montagem, quando for o caso, e eventuais riscos que possam apresentar à criança.

Veja Também