Enel Goiás pode ser proibida de cortar energia nos finais de semana e vésperas de feriados

Postado em: 28-04-2022 às 12h57
Por: Augusto Sobrinho
Medida será um benefício, principalmente, para a população de baixa renda do estado | Foto: Reprodução

A Assembleia Legislativa de Goiás (Alego) aprovou, nesta quarta-feira (27/04), o projeto de lei que proíbe a Enel Distribuição Goiás de cortar a energia nos finais de semana e vésperas de feriados. Segundo o deputado Bruno Peixoto (União Brasil), a medida vai beneficiar os goianos, que não conseguirem pagar a conta de luz.

O autor da propositura explica que a proibição será entre às 12h de sexta-feira e 08h da segunda-feira e entre às 12h da véspera de feriados nacionais, estaduais ou municipais até às 08h do dia subsequente. Com isso, vai evitar constrangimentos e transtornos aos consumidores.

A medida leva em conta que as agências bancárias, lotéricas e a própria Enel Goiás estão fechadas fora do horário comercial, o que impede os clientes de quitar a dívida. “Propomos que a concessionária ajuste os cortes para dias específicos, dando chance ao consumidor de quitar ou negociar seus débitos”, afirmou.

Além disso, ele destaca que isso será um benefício, principalmente, para a população de baixa renda do estado. Entretanto, apesar da aprovação dos parlamentares na Alego, a medida ainda precisa ser avaliada pela Governadoria antes de começar a valer e se tornar lei em Goiás.

Compartilhe: