Estrutura do viaduto da T-63 com Av. 85 não está comprometido, mas placas metálicas serão trocadas

Após o incêndio que o viaduto da T-63 com a Avenida 85 nessa manhã de sexta-feira (15/7), uma equipe técnica da prefeitura

Postado em: 15-07-2022 às 14h47
Por: Lorenzo Barreto
Um incêndio foi registrado no Viaduto da Avenida T-63 com a Avenida 85 por volta das 05h40 da manhã desta sexta-feira (15). Nas imagens é possível ver a proporção que o fogo tomou atingindo boa parte da estrutura do viaduto. | Foto/Reprodução

Após o incêndio que o viaduto da T-63 com a Avenida 85 nessa manhã de sexta-feira (15/7), uma equipe técnica da prefeitura de Goiânia foi até o local para averiguar a situação e chegou a conclusão que a estrutura do viaduto não foi comprometida.

Segundo o prefeito Rogério Cruz (Republicanos), prioridade neste momento é garantir a segurança dos usuários “por isso, aguardamos o relatório concreto que aponte o estado real das estruturas”. A conclusão da vistoria deve ficar pronta até o final do fim de semana, e a partir do resultado outras medidas deverão ser tomadas e equipes especializadas decidirão sobre liberação de tráfego.

Como medida de segurança, o trânsito na alça superior, ou seja, na parte de cima do viaduto, foi totalmente interditado, bem como a parte inferior, na rotatória da Avenida 85 com a S-1, sentido Centro-Serrinha.

Continua após a publicidade

Está liberado o trânsito na parte inferior do viaduto, para quem desce a Avenida 85 no sentido Serrinha-Centro, bem como na Avenida T-63, sentido Pedro Ludovico e Praça da Nova Suíça, com trânsito fluindo normalmente. O tráfego total das vias, bem como sobre o viaduto, só será liberado após emissão de laudo pericial.

Segundo Everton Schmaltz, secretário de infraestrutura os laudos apontarão, além do material causador do incêndio, a ordem dos danos causados à estrutura. A partir daí, serão encaminhadas as ações de recuperação da estrutura, uma vez que se trata de viaduto em localização estratégica e a liberação do tráfego depende das orientações constantes nos laudos pelos especialistas. “Qualquer ação referente à estrutura do viaduto priorizará a qualidade e segurança no intuito de evitar novos incidentes”, complementou o secretário.

Veja Também