Restaurante do Bem retorna atendimento 100% presencial

São 13 unidades espalhadas por cidades do Estado

Postado em: 18-07-2022 às 07h44
Por: Daniell Alves
São 13 unidades espalhadas por cidades do Estado | Foto: Divulgação

Com refeições no valor de R$2, as 13 unidades do Restaurante do Bem em Goiás, que servem refeições para pessoas em situação de vulnerabilidade social, retornam o atendimento nesta segunda-feira (18). De acordo com a Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), as comidas estavam sendo entregues em marmitas para consumo externo desde o início da pandemia da Covid-19. 

O atendimento presencial voltou em fevereiro deste ano, com cerca de 70% dos clientes no local físico e 30% retirando marmitas. No entanto, a partir de hoje, o atendimento voltará a ser totalmente presencial.

A OVG informa que “o preparo dos alimentos continuará seguindo todas as normas sanitárias vigentes” e serão servidos “exclusivamente por funcionários, inclusive molhos e saladas. As equipes também vão disponibilizar à população itens de higiene e intensificar a limpeza do ambiente.” 

Continua após a publicidade

As unidades do Restaurante do Bem estão localizadas em Goiânia – Centro e Campinas Anápolis, Luziânia, que contem com duas unidades cada, Rio Verde, Caldas Novas, Jaraguá, Goianésia, Minaçu, Águas Lindas de Goiás e Valparaiso de Goias. As refeições são servidas de segunda a sexta- feira, das 10h30 às 14h e contam com cardápio balanceado definido por nutricionistas.

Alimentação balanceada 

Ainda de acordo com a OVG, o cardápio variado é um convite à boa alimentação, pois sempre contém verduras, legumes e frutas de sobremesa. “Nutricionistas definem os pratos e acompanham o preparo com muito cuidado para que os usuários tenham acesso a uma comida balanceada. Todo o processo segue normas da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) e cada restaurante conta com um fiscal capacitado para garantir o bom atendimento e a qualidade da alimentação servida”, informa. 

O almoço é feito em cozinhas instaladas nas próprias unidades e chega quentinho ao prato, de segunda a sexta-feira, das 10h30 às 14 horas. O programa atende, principalmente, pessoas em situação de rua, idosos, desempregados, aposentados e trabalhadores.

Crise 

A crise econômica após a pandemia fez com que a procura por alimentos em restaurantes populares aumentasse. No Estado, a quantidade de pratos servida pelas unidades saltou de 996,6 mil nos primeiros cinco meses de 2019 para 1,4 milhão no mesmo período de 2022 – 40% a mais. Em maio de 2022 foram servidas 305,6 mil refeições. São 42,2 mil a mais do que no mesmo mês de 2021.

Unidades

Unidade I: Av. Goiás, nº 1.176, Centro – Goiânia/GO

Unidade II: Av. Anhanguera, nº 8.473, Qd. 97, Lt. 03, Campinas – Goiânia/GO

Unidade III: Rua Barão de Cotegipe, nº 358, Centro – Anápolis/GO

Unidade IV: BR-153, Km 99, Bairro São João – Anápolis/GO (UEG – Câmpus Henrique Santillo)

Unidade V: Av. Presidente Vargas, nº 2.679, Centro – Rio Verde/GO

Unidade VI: Rua Araguacema, Qd. 41, Lts. 49/50, Lojas 06 a 08, Jardim Ingá – Luziânia/GO

Unidade VII: Av. Joaquim Braz de Queiroz, Qd. 01, Lts. 03, 06 e 07, Parque Estrela Dalva VII – Luziânia/GO

Unidade VIII: Qd. Q-A3, Lote 2-A, Anexo Restaurante Comunitário, Mansões Pôr do Sol – Águas Lindas de Goiás/GO

Unidade IX: Avenida Central, Lt. 1/06, Qd. 23, Bairro Cruzeiro do Sul – Valparaíso de Goiás/GO

Unidade X: Rua Dr. Ciro Palmerston, nº 14,  Parque dos Pomares – Caldas Novas/GO

Unidade XI: Rua João Pedro de Oliveira, quadra 3, lote 3, Setor Jardim Aeroporto 3 – Jaraguá/GO

Unidade XII: Rua 26 nº 337, qd.215 Lt 03, fundos com Avenida Goiás Lt 23 Qd.215, Bairro Carrilho – Goianésia/GO

Unidade XIII: Av. Araguaia, nº 1.411, Setor Vila Batista – Minaçu/GO

Veja Também