Dirigentes do CDL Goiânia reivindicam à prefeitura melhorias para Campinas

Entre as reivindicações estão a necessidade de revitalização das calçadas, adequações no trânsito, criação de vagas de estacionamento.

Postado em: 18-07-2022 às 18h08
Por: Ícaro Gonçalves
Entre as reivindicações estão a necessidade de revitalização das calçadas, adequações no trânsito, criação de vagas de estacionamento | Foto: Reprodução/Prefeitura de Goiânia

Em reunião na última sexta-feira (15/7) com o secretário de Desenvolvimento e Economia Criativa de Goiânia, Sílvio Sousa, dirigentes da Câmara de Dirigentes Lojistas de Goiânia (CDL) apresentaram uma lista de reivindicações e pedidos de melhorias das condições do comércio na região de Campinas.

Entre as reivindicações listadas como prioritárias para Campinas estão a necessidade de revitalização das calçadas, adequações no trânsito, criação de vagas de estacionamento, melhorias no transporte público, implementação de tecnologias em prol da segurança pública e o combate ao comércio ilegal nas proximidades das lojas.

A superintendente Executiva da CDL Goiânia, Dina Marta, e a assessora parlamentar do departamento de Relações Institucionais e Governamentais, Geórgia Zenia, ressaltaram a importância do bairro para o comércio do município e a necessidade de mais intervenção do poder público no local.

Continua após a publicidade

Dirigentes da CDL Goiânia em reunião com a Sedec | Foto: Divulgação

No encontro, a administração municipal recebeu da CDL Goiânia mais informações sobre o projeto encabeçado pela entidade que pretende transformar parte da avenida 24 de Outubro em uma espécie de “shopping center a céu aberto”.

O encontro também discutiu ações ligadas à geração de emprego, projetos de capacitação de empregados e empregadores e apresentação de uma balanço dos trabalhos desenvolvidos pelo Conselho Municipal do Emprego e Renda – atualmente presidido pela CDL Goiânia.

212 anos de tradição, mas falta cuidado

Na sexta-feira (8/7), o bairro goianiense que um dia foi município próprio completou 212 anos de existência, recebendo diferentes atos públicos em comemoração. Em especial a transferência simbólica da sede da Prefeitura de Goiânia.

Ao O Hoje, moradores da “Campininha das Flores” declaram seu amor e histórias de vida no bairro. A professora aposentada Maria Lurdes contou que mora no bairro há mais de 20 anos, sendo a arquitetura art decó remanescente uma de suas maiores admirações pelo loca. “Moro aqui no bairro há mais de 20 anos, não troco isso aqui por nada. Apesar da prefeitura não tá cuidando muito daqui, esse lugar é maravilhoso, é o nosso interior aqui dentro de Goiânia”, descreve.

Ela, no entanto, acredita que falta mais cuidado com a região. “A única coisa que é meio complicada tá sendo a sujeira, prefeitura parece não estar limpando todos os dias, vai no Marista uma hora desse e você vai ver que tá tudo limpinho”, reclama.

Leia também: Mudanças tiraram prédios e casas históricas da região de Campinas

Veja Também