Comunidades tradicionais são beneficiadas com Crédito Social

O recurso é destinado a associações que representam povos quilombola, indígena e de religiões de matriz africana

Postado em: 01-08-2022 às 07h56
Por: Daniell Alves
Para receber o Crédito Social, os representantes das associações foram certificados no curso de qualificação do Sebrae | Foto: Divulgação

O Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Seds), beneficiou representantes de 32 comunidades tradicionais com cartões do programa Crédito Social, cada um no valor de R$ 4.887,00. O recurso é destinado a associações que representam povos quilombola, indígena e de religiões de matriz africana, e que têm um trabalho de assistência voltado àqueles que estão em situação de vulnerabilidade social.

Para receber o Crédito Social, os representantes das associações foram certificados no curso de qualificação “Sebrae: Aprender a Empreender Social”. Com o recurso recebido através do cartão, as associações vão adquirir um kit com computador, impressora e suprimentos. Esses equipamentos serão instalados nas sedes das entidades para dar suporte ao trabalho com as comunidades.

Essa foi a quarta turma do curso oferecido para as comunidades de povos tradicionais. A maioria dos alunos foi de comunidades quilombolas. Das 67 associações quilombolas existentes em todo o Estado, 64 já participaram da qualificação desde a primeira turma. Realizado na modalidade on-line, o curso foi desenvolvido com didática específica para o grupo.

Continua após a publicidade

Para Nathanael Alves da Silva, representante da comunidade quilombola Ana Laura, de Palmeiras de Goiás, o recurso fará diferença. “A entrega desse benefício para as comunidades pode parecer simples, mas faz muita diferença nas nossas atividades. O povo quilombola é um povo trabalhador, produtivo, e precisa desse apoio”, disse.

Titular da Seds, Wellington Matos destacou a importância do envolvimento de todos nos projetos oferecidos. “O Crédito Social quer atender a todos que estão em vulnerabilidade e precisam de oportunidade para iniciar um pequeno negócio. Queremos também ampliar o número de jovens inscritos em cursos de profissionalização”. 

Entre os representantes de associações que receberam o cartão do Crédito Social, estavam os de comunidades localizadas nos municípios de Campos Belos, Cachoeira Dourada, Diorama, Itumbiara, Palmeiras de Goiás, dentre outros.

Crédito Social

Lançado em abril de 2021, o Crédito Social é um programa que visa criar oportunidades e reduzir desigualdades sociais e econômicas, com ações de inclusão social das famílias, por meio de mecanismos de suporte financeiro, profissionalizante e empreendedorismo. Com R$ 20 milhões disponibilizados via Fundo Protege, até o momento já foram liberados R$ 12 milhões do crédito, beneficiando mais de 5.500 pessoas em todo o Estado. Uma das condições para receber o crédito social é a certificação em um curso de qualificação.

Veja Também