Oficina para primeiros socorros ocorre nesta quinta-feira

A ação aberta ao público em geral é preparar a população para lidar com situações de urgência e emergência até a chegada do resgate pré-hospitalar

Postado em: 02-05-2018 às 11h00
Por: Kamilla Lemes
A ação aberta ao público em geral é preparar a população para lidar com situações de urgência e emergência até a chegada do resgate pré-hospitalar

O Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás (CBMGO) promove
nesta quinta-feira (03), às 8h30, na Praça do Avião, em Goiânia, oficinas de
primeiros socorros que marcam o lançamento da Operação Hora de Ouro. De acordo
com os organizadores, o objetivo da ação aberta ao público em geral é preparar
a população para lidar com situações de urgência e emergência até a chegada do
resgate pré-hospitalar.

A Operação Hora de Ouro do CBMGO tem como meta principal
diminuir o tempo entre o acionamento das unidades de resgate pelo telefone de
emergência 193 e a chegada no local da ocorrência. Na assistência
pré-hospitalar, a expressão “hora de ouro” é utilizada para designar a primeira
hora que sucede um episódio de trauma.

Continua após a publicidade

Fatores como o crescimento das cidades e o trânsito cada vez
mais congestionado dificultam o trabalho de resgate, em especial na região
metropolitana de Goiânia. Quanto menor a espera, maiores as chances de
sobrevida após um atropelamento ou acidente com politraumatismo, por exemplo.

A Corporação realizou um estudo, que será apresentado para a
imprensa durante o lançamento, que mapeou os locais e horários de maior demanda
de unidades de resgate. Uma das hipóteses levantadas era de que as bases de
onde partiam as unidades não estavam bem posicionadas, o que poderia prejudicar
o tempo de atendimento em determinadas regiões.

“De posse desse mapa, vamos reorganizar os pontos bases das
viaturas do CBMGO durante determinados horários do dia. Nossas unidades estarão
de prontidão nos locais onde mais ocorrem acidentes”, destaca o Comandante
Geral do CBMGO, Coronel Márcio André de Morais. O CBMGO avalia ser preciso
distribuir melhor as unidades de resgate pela cidade, colocando-as mais
próximas de regiões em que estatisticamente ocorrem mais acidentes de trânsito.
Durante o lançamento da Operação Hora de Ouro será divulgado o mapa com as
novas bases das unidades de resgate do CBMGO.

 

Veja Também