Operação apreende cerca de 3 mil peças falsificadas na 44

A ação Piratas do Cerrado flagrou diversas camisetas, bermudas e camisas ilegais. O comerciante poderá responder pela prática de crime contra as relações de consumo e crime contra as marcas

Postado em: 11-05-2018 às 10h55
Por: Kamilla Lemes
A ação Piratas do Cerrado flagrou diversas camisetas, bermudas e camisas ilegais. O comerciante poderá responder pela prática de crime contra as relações de consumo e crime contra as marcas

A Delegacia de Repressão a Crimes Contra o Consumidor (Decon), com apoio do Grupo Tático da Polícia de Goiás e SPTC (Polícia Científica de Goiás), deflagrou a Operação Piratas do Cerrado, cujo objetivo é o combate a comercialização ilegal de roupas de marcas falsificadas. 

Na ação de ontem, quinta-feira (10), coordenada pelo Delegado Frederico Dias Maciel, realizada em uma loja com sede no Setor Norte Ferroviário (região da Rua 44), foram apreendidas mais de três mil peças de vestuário (camisas, calças, bermudas e camisetas) aparentemente falsificadas.

Continua após a publicidade

O proprietário do estabelecimento não estava no local no momento da ação policial, mas já foi identificado. Foi instaurado inquérito policial para apuração dos fatos e proprietário da loja poderá responder pela prática de crime contra as relações de consumo e crime contra as marcas. 

 

Veja Também