Segunda-feira, 11 de dezembro de 2023

Conselho Tutelar acolhe menino de 11 anos que foi abandonado pela mãe e era obrigado a trabalhar em fazenda de Mara Rosa

Garoto foi encontrado em uma fazenda em situação de trabalho infantil | Foto: Reprodução

Postado em: 20-09-2023 às 10h01
Por: Rondineli Alves de Brito
Imagem Ilustrando a Notícia: Conselho Tutelar acolhe menino de 11 anos que foi abandonado pela mãe e era obrigado a trabalhar em fazenda de Mara Rosa
Garoto foi encontrado em uma fazenda em situação de trabalho infantil | Foto: Reprodução

O Poder Judiciário do município de Mara Rosa, a 70 quilômetros de Goiânia, determinou o acolhimento de um menino de 11 anos de idade, que foi abandonado pela mãe e deixado aos cuidados de um fazendeiro que o obrigava a fazer trabalhos infantis

O pedido de recolhimento foi feito pela 1ª Promotoria de Justiça de Mara Rosa, a partir de uma denúncia na qual era explanado que o garoto, além de ser submetido a vários tipos de trabalho braçais em troca de cama e comida, também estava sem frequentar a escola.

O proprietário da fazenda que acolhia a criança, contou ao Conselho Tutelar que não possui nenhum vínculo familiar com o menor e afirmou que ele foi deixado pela mãe no local. 

Continua após a publicidade

O Conselho Tutelar também tentou entender o caso a partir do ponto de vista do pré-adolescente, mas só obteve respostas confusas e desconexas, típicas de vítimas de situações de vulnerabilidade física e social.

A mãe, que não quis fornecer o próprio endereço, contou que não queria a tutela do garoto, pois ele dava muito trabalho para estudar, motivo pelo qual ele foi tirado da escola. 

Atualização

A reportagem procurou o Conselho Tutelar de Mara Rosa, que informou que a criança não está mais na cidade e agora está sob a custódia das autoridades em Aparecida de Goiânia. Segundo o Conselho, o menino deverá ser matriculado em uma escola do município.

Veja Também