Sexta-feira, 08 de dezembro de 2023

SES-GO  envia mais de 26 mil mensagens para pacientes que aguardam cirurgias

São mais 17 mil pacientes que aguardam para serem chamados para cirurgias pelo Programa Nacional de Redução de Filas do Ministério da Saúde

Postado em: 14-11-2023 às 12h30
Por: Ronilma Pinheiro
Imagem Ilustrando a Notícia: SES-GO  envia mais de 26 mil mensagens para pacientes que aguardam cirurgias
O objetivo da mensagem é saber se o paciente já realizou a cirurgia ou se ainda aguarda pelo procedimento | Foto: Divulgação

Os 17.024 pacientes que aguardam para serem chamados para cirurgias pelo Programa Nacional de Redução de Filas do Ministério da Saúde devem receber um SMS da Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO), a partir desta terça-feira (14). O objetivo da mensagem é saber se o paciente já realizou a cirurgia ou se ainda aguarda pelo procedimento e assim, higienizar ainda mais a fila. Ao todo, serão enviadas 26.620 mensagens. 

Para receber o SMS, os pacientes precisam ter o celular cadastrado no CadSUS Simplificado Multiplataforma, Cadastro Único (CadÚnico) ou no sistema de regulação. O paciente receberá a mensagem com o número a partir dos dígitos, 29178 de início SES Goiás.

Aqueles que possuem mais de um número de celular cadastrado, ou estão na fila para mais de um procedimento, devem receber mais de uma mensagem. Nas mensagens enviadas sobre as cirurgias eletivas, não será disponibilizado nenhum link para ser clicado pelo paciente, segundo esclarecimento da SES-GO, para que os pacientes não caiam em golpes. A precaução é uma medida de segurança e

Continua após a publicidade

O Subsecretário de Vigilância e Atenção à Saúde  da SES-GO, Luciano Moura, pontua que a proposta é que sejam respondidas três perguntas nas mensagens enviadas para os pacientes. “A primeira é: se a pessoa precisa de uma cirurgia eletiva ainda, a segunda é para verificar se ela não precisa das cirurgias eletivas e a terceira é para verificar se aquele contato se trata daquele paciente”. Dessa forma, o usuário irá responder às opções 1, 2 e três com a informação desejada.

Os pacientes já estão previamente cadastrados, ou seja, eles estão nas filas de regulação do estado. A partir da junção de todos esses dados do cartão SUS e da regulação, foi possível fazer o levantamento dos contatos de mais de 17 mil pacientes.

Sobre os envios das mensagens, o Subsecretário reforça que a população responda apenas com a opção desejada, para evitar possíveis golpes de pessoas mal intencionadas, que devem se aproveitar do programa para enganar pessoas. “Não tem envio de links para a pessoa clicar e acessar uma outra página. Não vai ser perguntado qual é o tipo de cirurgia, aonde ela pretende fazer, onde que ela mora, pagar alguma coisa”, orienta.

É importante destacar que todos os dados e informações sobre os procedimentos cirúrgicos já estão salvos no banco de dados da secretaria, portanto, não serão solicitados para os usuários. 

Luciano Moura salienta também que os usuários que não receberem a mensagem, não devem se preocupar, pois não sairão da fila de cirurgias eletivas. Nesses casos, a orientação do subsecretário é que esse paciente vá até uma unidade básica de saúde mais próxima e realize a atualização do seu cadastro.

Veja Também