PRF encerra Operação Ano Novo com menos violência nas rodovias federais goianas

Flagrantes de embriaguez aumentaram em comparação à chegada de 2019| Foto: Reprodução/PRF

Postado em: 03-01-2020 às 10h00
Por: Redação
Flagrantes de embriaguez aumentaram em comparação à chegada de 2019| Foto: Reprodução/PRF

Eduardo Marques

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou, nesta quarta-feira (1º), a Operação Ano Novo com registro de menos violência federais goianas se comparado ao feriadão de Natal. Os números de acidentes, feridos e mortos caíram, mas quase mil infrações de trânsito foram flagradas pelos policiais rodoviários federais, que atuaram em pontos estratégicos onde costumam ser mais recorrentes os acidentes.

A Operação Ano Novo teve início no último sábado (28) e se encerrou nesta quarta (1º). Nesse período, foram registrados 22 acidentes que resultaram em uma morte e 34 feridos nos quase três mil quilômetros de rodovias federais que cortam Goiás. Já na Operação Natal, realizada entre os dias 21 e 25 de dezembro, a PRF atendeu 49 acidentes, nos quais cinco pessoas morreram e 69 ficaram feridas.

Continua após a publicidade

Nos cinco dias que antecederam a chegada de 2020, 66 pessoas foram flagradas nas Brs dirigindo depois de beber, número quase igual ao período do natal (67), mas 16% superior aos flagrantes do feriado de Ano Novo do ano passado, quando 57 motoristas foram autuados. 

Durante o período da Operação Ano Novo, policiais rodoviários federais fiscalizaram 4.751 pessoas e 4.359 veículos em Goiás, e 2.497 motoristas passaram pelo teste do etilômetro. Muitos condutores ainda insistiram em contrariar as regras de um trânsito seguro e 41 acabaram autuados por ultrapassagens proibidas, outros 102 por não utilizarem o cinto de segurança. 

Veja Também