Cantor sertanejo baleado por ex-mulher recebe alta em Jataí

O músico foi atingido por dois tiros, um no pescoço, e ficou internado por 15 dias, 12 na UTI – Foto: Reprodução/rede social.

Postado em: 22-01-2020 às 19h00
Por: Nielton Soares
O músico foi atingido por dois tiros, um no pescoço, e ficou internado por 15 dias, 12 na UTI – Foto: Reprodução/rede social.

Nielton Soares

O cantor sertanejo Agnaldo Moraes recebeu alta, nesta quarta-feira (22), e já está se recuperando em casa. Há quinze dias ele foi baleado pela ex-esposa e estava internado, em Jataí, região Sudoeste de Goiás, a 321 quilômetros de Goiânia. 

Agnaldo faz dupla com o artista Moracito e sofreu quatro disparos da ex-mulher, em frente à residente dos pais, no dia 7 de janeiro. Ficou 12 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital das Clínicas Dr. Serafim de Carvalho. Após isso, foi transferido para um quarto, onde ficou em observação. 

Continua após a publicidade

A autora, suspeita de ter atirado, chegou a se apresentar à polícia um dia depois. Lilia de Castro, de 40 anos, foi casada com o cantor e confessou ter disparado contra o ex-marido, que foi atingido por dois tiros, sendo um no pescoço. 

Ela preferiu não contar a quem pertencia a arma. Após o depoimento, a mulher foi liberada por não haver flagrante. 

 

Veja Também