Quinta-feira, 26 de janeiro de 2023

Sem Neymar, Brasil enfrenta a Suíça e tenta a classificação antecipada

Às 13h (de Brasília), no Stadium 974, na cidade de Doha, os comandados do técnico Tite enfrentarão os suíços que estrearam vencendo Camarões pelo placar de 1 a 0

Postado em: 28-11-2022 às 08h00
Por: Breno Modesto
Fred deve ser o escolhido pelo técnico Tite para ocupar a vaga de Neymar no time titular do Brasil | Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Depois de estrear vencendo a Sérvia, o Brasil volta a campo pela Copa do Mundo nesta segunda-feira (28). Às 13h (de Brasília), no Stadium 974, na cidade de Doha, os comandados do técnico Tite enfrentarão outra seleção europeia. Desta vez, a Suíça, que estreou no Mundial vencendo Camarões pelo placar de 1 a 0.

Para o confronto, Tite tem dois desfalques confirmados. O lateral-direito Danilo e o meia-atacante Neymar se lesionaram diante dos sérvios e estão fora do duelo contra os suíços. Com as ausências, o comandante da seleção brasileira deve promover as entradas de Éder Militão no sistema defensivo e Fred no meio de campo.

Com a entrada de Fred no time titular do Brasil, Lucas Paquetá deve ser adiantado para fazer a função de Neymar, enquanto que o volante atuará ao lado de Casemiro. Já Militão, que é zagueiro, atuará improvisado na lateral, como Tite o testou no penúltimo amistoso da seleção brasileira antes da Copa, contra Gana.

Continua após a publicidade

A rodada pode dar à seleção brasileiro a vaga antecipada nas oitavas de final da Copa do Mundo. Para isso, o Brasil precisa vencer a Suíça e torcer para que o jogo entre Camarões e Sérvia, que acontecerá às 7h (de Brasília), no Al Janoub Stadium, na cidade de Al-Wakrah, termine sem um vencedor.

Suíça

Para enfrentar o Brasil, o técnico Murat Yakin não terá a presença do atacante Noah Okafor, do Red Bull Salzburg, da Áustria. Segundo a assessoria de imprensa da seleção suíça, o jogador, que atuou por 18 minutos na vitória por 1 a 0 contra Camarões, tem uma lesão muscular na coxa e, portanto, não estará entre os relacionados para o duelo com os brasileiros.

Histórico

A partida desta segunda-feira (28) será a décima da história entre Brasil e Suíça, sendo a terceira em uma edição de Copa do Mundo. Até aqui, em nove jogos disputados, o histórico do confronto apresenta bastante equilíbrio. São três vitórias brasileiras, duas suíças e quatro empates.

Em Mundiais, não há vantagem para nenhuma seleção. Foram dois jogos e dois empates. O primeiro deles aconteceu em 1950, no Brasil. Em jogo disputado no Estádio do Pacaembu, em São Paulo, brasileiros e suíços ficaram no 2 a 2. Na oportunidade, Alfredo e Baltazar marcaram para o Brasil, e Jacky Fatton, duas vezes, foi às redes para a Suíça.

Já em 2018, na Rússia, o empate foi por 1 a 1. Já comandada pelo técnico Tite, a seleção brasileira saiu na frente com um gol de Philippe Coutinho. Os suíços deixaram tudo igual com Steven Zuber. No fim das contas, o empate acabou beneficiando os dois países, que avançaram para as oitavas de final.

Ficha técnica
Brasil x Suíça

Data: 28 de novembro de 2022
Horário: 13h (de Brasília)
Local: Stadium 974, em Doha (QAT)

Árbitro: Ivan Barton (ESA)
Assistentes: David Moran (ESA) e Zachary Zeegelaar (SUR)
VAR: Drew Fischer (CAN)

Brasil: Alisson; Éder Militão, Marquinhos, Thiago Silva e Alex Sandro; Casemiro, Fred e Lucas Paquetá; Raphinha, Richarlison e Vini Jr.
Técnico: Tite

Suíça: Sommer; Widmer, Schar, Akanji e Rodriguez; Freuler, Xhaka; Shaqiri, Sow e Vargas; Embolo.
Técnico: Murat Yakin

Veja Também