Museus em Goiânia que você precisa conhecer

Conheça alguns museus em Goiânia que você precisa visitar

Postado em: 20-09-2022 às 17h48
Por: Maria Gabriela Pimenta
Conheça alguns museus em Goiânia que você precisa visitar | Foto: Museu de Arte de Goiânia / Reprodução

A história é viva e fluida. Conhecer o passado para entender a trajetória dos nossos antepassados é compreender a nossa própria existência. Ultimamente, muitas pessoas tem abandonado este carinho pela cultura e tratado momentos de imersão cultural como desnecessários. Entretanto, este conhecimento é essencial para a formação de uma sociedade culta e crítica. Para preservar a história, acervos em diversas áreas, como literatura, arquitetura e artesanatos, são criados e ficam disponíveis para visitação. Assim, podemos conhecer como era a vida e o cotidiano das pessoas que estiveram presentes quando nosso Estado estava sendo construído e ainda antes disso! Para você resgatar este costume clássico e abrir sua mente para a arte e para a história, separamos alguns museus em Goiânia que você precisa conhecer.

Museu de Arte Goiana (MAG)

Foto: Prefeitura de Goiânia

Destinado às artes visuais, o MAG foi criado no dia 20 de outubro de 1970. Centenas de obras, de diferentes linguagens artísticas, compõem o seu acervo, formado pelos nomes de maior representatividade da arte brasileira. O museu é uma instituição pública e sem fins lucrativos. Então não tem desculpa, a entrada é franca e o conhecimento que você vai receber é impagável!

Endereço: Rua 1, nº 605, Bosque dos Buritis, Setor Oeste.
Contato: 3524-1190.
Horário de funcionamento: terça a sexta-feira, das 9h às 18h, sábados e domingos, das 10h às 16h
Entrada franca

Continua após a publicidade

Museu Zoroastro Artiaga

Foto: reprodução

Primeiro museu criado em Goiânia, está repleto de itens que registram a história de Goiás, contemplando aspectos arqueológicos, antropológicos e expõe objetos e artefatos do cotidiano indígena. É muita história envolvida e a entrada é franca!

Endereço: Praça Cívica, Centro
Contato: 3201-4676.
Horário de Funcionamento: Segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. Sábados, domingos e feriados das 9h às 15h
Entrada franca

Museu da Imagem e do Som (MIS)

Criado em 1988, o MIS reúne, preserva, produz e divulga formas de expressão artística e cultural que contam a história do Estado, a partir de registros em áudio e vídeo. O acervo é constituído por coleções de discos, fitas cassete, fitas magnéticas de áudio e de vídeo, filmes, documentos fotográficos, textuais e bibliográficos. Uma experiência dinâmica e gratuita!

Endereço: Centro Cultural Marietta Telles – Praça Cívica, Centro
Telefones: 3201- 4643 e 3201-4644
Horário: Segunda a sexta, das 8h às 17h
Entrada franca

Museu Antropológico da UFG

Foto: reprodução

Um dos mais novos museus de Goiânia, o Museu Antropológico da UFG é destinado à ciência e à pesquisa. Imagens, sentimentos, símbolos e objetos significativos para a história do Centro-Oeste permitem a construção da identidade regional. Atualmente, a Exposição Lavras e Louvores está disponível para visitação espontânea ou com horário agendado.

Endereço: Praça Universitária, Setor Universitário.
Contato: 3209-6010
Horário de funcionamento: terça-feira a sábado, das 9h às 17h
Entrada franca

Museu PUC

Museu digital e tecnológico que remete a história do Estado e da Instituição. São 13 ambientes interativos que vão te nutrir com conhecimento e cultura.

Endereço: Praça Universitária – Setor Leste Universitário

Memorial do Cerrado

Eleito o lugar mais bonito de Goiânia em 2008, o Memorial do Cerrado representa as diversas formas de ocupação do bioma e os modelos de relacionamento com a natureza e a sociedade. É um museu que abrange diversas áreas, remetendo a história do planeta Terra até a chegado dos portugueses no Brasil. O Memorial do Cerrado reúne diversos espaços para visitação: Museu de História Natural, vila cenográfica de Santa Luzia, aldeia indígena, quilombo, espaço de educação ambiental Dalila Coelho Barbosa, trilhas ecológicas, pesquisa, velho homem, trilha da semente peregrina, espaço de educação, dentro de uma oca e acervo José Hidasi. Uma dica: vá de tênis pra você não sofrer durante a visitação.

Endereço: PUC-Goiás, Campus II na Av. Engles, s/n Jardim Mariliza

Contato: (62) 3946 1723

Horário de Funcionamento: De segunda a sexta das 8h às 17h

Valor: R$ 20,00 a inteira; R$ 10,00 para crianças de até 6 anos e professores, mediante comprovação (valores em agosto/2022).

Duração Aproximada: 2 horas

Museu do Índio

O Museu do Índio tem realizado exposições interativas que transportam o visitante para o universo das histórias e riquezas indígenas.

Endereço: Alameda Leopoldo de Bulhões – Setor Pedro Ludovico

Contato: 62 3541-4008

Leia também:

Veja Também