Empreendedores brasileiros têm oportunidade para desenvolver os negócios

Feira do Empreendedor 2021 traz para o mundo dos negócios a diversidade e a inclusão durante cinco dias de evento.

Postado em: 30-10-2021 às 15h00
Por: Augusto Sobrinho
Está sendo oferecidos espaços para consultorias, networking, aperfeiçoamento e para vendas | Foto: Reprodução

O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) realiza, desde o último sábado (23/10), a Feira do Empreendedor 2021. O evento, que está sendo transmitido totalmente pela internet e de forma gratuita, envolve todas as 27 unidades regionais do Sebrae e a expectativa da entidade é que haja 100 mil participantes, gerando R $100 milhões em negócios e 300 mil atendimentos, durante os 5 dias de evento.

A edição deste ano traz para debate o tema “Empreender é para todos”. Por isso, está proporcionando aos participantes uma programação marcada pela diversidade e pela inclusão. O objetivo do Sebrae é mostrar que o empreendedorismo é possível para todos os perfis de pessoas que desejam atuar nos diversos setores e segmentos do mercado. As inscrições podem ser feitas pelo portal do próprio evento.

“Queremos que todos os empreendedores se sintam acolhidos para buscar conteúdos, soluções e serviços diversos que os ajudem a recuperar os prejuízos trazidos pela pandemia da Covid-19, mas também os estimule a serem mais produtivos e competitivos no mercado”, afirma o presidente do Sebrae Nacional, Carlos Melles.

Continua após a publicidade

Segundo ele, a escolha das atrações foi feita pensando no desenvolvimento dos pequenos negócios. Por isso, o evento disponibiliza uma experiência inovadora e tecnológica para os participantes através do ambiente virtual de realidade 3D que conta com cinco arenas digitais: Conhecimento, Negócios, Expositores, Retomada e Atendimento Sebrae.

Na Arena Atendimento Sebrae,  os visitantes vão ser direcionados para os canais de atendimento remoto do Sebrae, como chat, whatsapp, telefone e e-mail. Além disso, os participantes têm acesso para download de materiais como guias, e-book, ferramentas e vídeos tutoriais com orientações para quem já tem sua própria empresa, é MEI ou quer abrir um novo negócio.

Na Arena do Conhecimento, os empreendedores poderão acompanhar painéis de debates, palestras, aulas show e rodas de conversa programadas ao longo dos cinco dias da Feira. Serão quatro salas de transmissão com um total de mais de 140 horas de programação dividida em 14 jornadas diferentes para atender os interesses dos mais variados perfis de empreendedores.

Além disso, o Sebrae traz convidados especiais para palestras sobre diversos temas. O evento online, que será realizado por meio da plataforma Sebrae Experience, trouxe na segunda-feira (25/10) o rapper, cantor, letrista e compositor para debater sobre a reinvenção no mundo dos negócios, na terça-feira (26/10) o consultor empresarial, Ricardo Amorim, que falou sobre a crise não ser sinônimo de perda e, por fim, trará nesta quarta-feira (27/10) a presidente da G2 Capital e Investment Partner, Camila Farani, para debater sobre a importância dos empreendedores estarem conectados a internet e as mídias sociais.

Na Arena dos Expositores, mais de 500 empresas apresentarão seus produtos e serviços em uma grande vitrine virtual para visitantes de todo o Brasil. Além de oportunidade de negócios, o espaço será um local para fazer networking e conhecer soluções de grandes marcas parceiras, como Americanas.com, Amazon, Go Daddy, Nuvemshop e Banco Digital. 

Na Arena da Retomada, os empresários vão encontrar diversos conteúdos e soluções voltados ao tema, como renegociação de dívidas, acesso ao crédito consciente, programas governamentais de crédito, bem como outros serviços financeiros. O ambiente vai disponibilizar um canal direto com atendentes de instituições financeiras do evento, de acordo com o perfil do negócio e localidade.

A Arena de Negócios será o local onde acontecerão rodadas de negócios nacionais e internacionais. A expectativa é que mais de 300 micro e pequenas empresas participem das rodadas, movimentando um volume de mais de R$ 25 milhões. Todas as rodadas são pré-agendadas, de maneira a permitir a preparação de compradores e vendedores.  Para isso, os empreendedores se inscreveram com antecedência no site da Feira. 

Entre os compradores já confirmados estão representantes dos segmentos de comércio de roupas, floricultura, panificação, alimentos, sorvetes, petshop, janelas e portas de PVC, entre outros.  Os visitantes poderão, no entanto, conferir na feira calendário de rodadas futuras e baixar conteúdos de acesso a mercados, além de interagir com parceiros do Sebrae como Apex Brasil e ConnectAmericas, plataforma de negócios do Banco interamericano de Desenvolvimento.

Veja Também