Sustentabilidade: empresas adotam meio ambiente como estratégia de negócios

Postado em: 22-11-2021 às 08h19
Por: Almeida Mariano
Empresas, organizações e instituições que são engajadas com causas socioambientais têm melhor aceitação no mercado | Foto: Reprodução

Com pautas ambientais cada vez mais em destaque, as pequenas, médias e grandes empresas devem adotar um estratégia de sustentabilidade não apenas de uma forma superficial, mas sim de maneira que tenha o meio ambiente no centro de suas ações e posicionamentos. A ascensão de clientes que cobram um posicionamento ambiental por parte das empresas fez da sustentabilidade empresarial uma tendencia para os próximos anos.

Empresas, organizações e instituições que são engajadas com causas socioambientais têm melhor aceitação no mercado. O resultado de uma pesquisa, a Edelman Trust Barometer, aponta que 97% dos entrevistados esperam que as empresas solucionem algum problema social, em destaque as que se preocupam com questões ambientais.

Pode se denominar como sustentabilidade empresarial o conjunto de ações e políticas adotadas por empresas que visam minimizar os impactos ambientais e sociais de suas atuações, agindo de uma forma mais consciente na gestão dos negócios, com a elaboração de planos táticos e operacionais desde o planejamento até a execução.

Para Bob Sternfels, sócio-gerente da global da McKinsey & Co, empresa de consultoria empresarial americana, a sustentabilidade vem se tornando fundamental para o sucesso de uma empresa. Segundo ele, os clientes estão cada dia mais estão dispostos em pagar um valor maior por produtos que fornecem uma boa relação com o meio ambiente. Sternfels explica que nos últimos anos o fluxo de capital para tecnologias sustentáveis tem sido cada vez maior.

 De maneira que essas tecnologias que estão por vir podem atrair cerca de US$ 1,5 trilhão a US$ 2 trilhões de capital de investimento anualmente nos próximos três anos. Seguindo essa linha de raciocínio, para ele, uma estratégia de sustentabilidade separada de uma estratégia central é algo que está deixando de existir.

As principais atitudes de uma sustentabilidade empresarial estão associadas à redução, ou até mesmo a abolição, do uso de descartáveis, principalmente de plástico. A criação de campanhas de preservação ao meio ambiente, voltadas para a economia de papel, água e energia. O investimento em reciclagem de resíduos sólidos, como papel, plástico, metal e vidro. Efetuar treinamentos, workshops e palestras sobre tópicos de sustentabilidade no ambiente de trabalho, além propor e incentivar que os colaboradores se voluntariem em algum projeto focado em preservação ambiental.

O tema também já se tornou popular no Brasil, com o enfoque “Tempos pandêmicos e a previsão pós pandemia”, o ‘Guia de Tendências 2022-2023’ para empreendedores das micro e pequenas empresas disponibilizado pelo  Sebrae PR apresenta a sustentabilidade e a inclusão como principais transformações de mercado no pós-pandemia.

Por que a sustentabilidade chama a atenção dos investidores?

 “Os investidores perceberam que num mundo cada vez mais complexo e acelerado, é fundamental compreender como as empresas lidam com os fatores sociais e ambientais… Isso porque inúmeros estudos indicam que empresas com fortes atributos de sustentabilidade levam a uma performance superior ao longo do tempo. Sem contar que cada vez mais cresce a consciência de que ao investir estamos moldando a realidade, e com isso, a busca por investimentos que gerem rentabilidade associada à impacto positivo no mundo cresce.”, explica a especialista Marina Cançado, sócia da XP Inc.

Quais a vantagens de uma gestão sustentável?

Uma gestão sustentável bem aplicada pode trazer diversos benefícios, tanto para a empresa como também para os colaborados e população em geral. Além da redução dos impactos ambientais, os valores significativos dessas causas aplicadas nas estratégias podem criar um ambiente mais favorável para o estabelecimento e a manutenção do relacionamento da empresa com o consumidor do produto ou serviço, melhorando assim a imagem e a reputação da marca. Um benefício institucional é o fato de manter um clima organizacional engajado em uma causa, o que acaba por motivar os colaboradores. E de modo geral, a expansão de oportunidades de negócios e aumento da competitividade no mercado.

Compartilhe: