Com possível nova onda de inflação, salário mínimo tem menor estimativa em 2023

Caso haja um avanço de 7,41%, o piso salarial subirá para R$ 1.301,81.

Postado em: 15-07-2022 às 14h38
Por: Victória Vieira
Caso haja um avanço de 7,41%, o piso salarial subirá para R$ 1.301,81 | Foto: Reprodução/ Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Nesta sexta-feira (15/7), a nova projeção da inflação levantada pelo Ministério da Economia, relatou que em 2023 os salários mínimos poderão ter uma estimativa menor do que o esperado. Atualmente, o salário mínimo equivale à 1.212. Caso haja um avanço de 7,41%, o piso salarial subirá para R$ 1.301,81.

A projeção foi com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) e valerá a partir de janeiro do ano que vem, mas se a inflação medida pelo INPC em 2022 for diferente da projeção analisada, o governo terá a obrigação de reverter o valor do salário mínimo.

De acordo com a Constituição Federal, as mudanças não podem ser inferiores à inflação anterior do ano passado. Considerando os índices inflacionários, a situação pode piorar ainda mais para a população que depende do salário mínimo.

Continua após a publicidade

Apesar de ser um custo provisório e não haver um aumento significativo, a previsão estabelecida é maior que R$ 1.294, valor estipulado pelo projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

Até dezembro, o Governo Federal terá o prazo de rever e definir o piso salarial para o próximo ano.

Veja Também