Requerimento que permite usar FGTS para comprar mais de um imóvel é aprovado

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (14) requerimento de urgência para o Projeto de Lei 462/20, do deputado Marcel

Postado em: 15-07-2022 às 17h36
Por: Lorenzo Barreto
Marcel conta com a esperança de que a proposta dê maior autonomia econômica e movimentação de recursos para os brasileiros | Foto/Reprodução

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (14) requerimento de urgência para o Projeto de Lei 462/20, do deputado Marcel van Hattem (Novo-RS), que permite o uso do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para a compra de mais de um imóvel.

Atualmente, o trabalhador não pode fazer empréstimo imobiliário com FGTS se já é proprietário ou comprador de outro imóvel no município ou se já detém financiamento habitacional.

Marcel conta com a esperança de que a proposta dê maior autonomia econômica e movimentação de recursos para os brasileiros “Os rendimentos atribuídos em contas vinculadas do FGTS estão aquém de outros investimentos de baixo risco oferecidos pelo mercado”, comentou o deputado.

Continua após a publicidade

Com a aprovação da urgência, a proposta poderá ser analisada diretamente pelo Plenário sem precisar passar antes pelas comissões permanentes. A aprovação é tratada como urgente e deve ser concluída nos próximos meses.

Veja Também