Especialista em finanças dá dicas para consumidor não se endividar na Black Friday

Jennyfer Torres destacou a importância de um orçamento prévio e de uma pesquisa de preços antes das compras.

Postado em: 23-11-2022 às 15h04
Por: Cecília Epifânio
Jennyfer Torres destacou a importância de um orçamento prévio e de uma pesquisa de preços antes das compras | Fotos: iStock

Muitos consumidores estão na expectativa para aproveitar as promoções da Black Friday, que acontecerá na próxima sexta-feira, 25 de novembro. No entanto, sempre existem dúvidas se a compra de um produto específico terá um desconto significativo. Outra preocupação dos consumidores são os golpes, que estão cada vez mais comuns.

Para um gasto mais consciente e evitar ser enganado com falsas promoções, a especialista em finanças do Sicoob Engecred, Jennyfer Torres, dá dicas para quem vai aproveitar a Black Friday neste ano. Segundo ela, é fundamental que as pessoas tenham um orçamento e realizem uma pesquisa de preços antes da aquisição de um produto.

“Não adianta você querer comprar e não ter condições de pagar. Porque nós sabemos que existem locais que fazem preços surpreendentes à vista, mas também o consumidor consegue fazer o parcelamento no cartão. Então, a primeira parte é se planejar financeiramente, caso contrário a pessoa vai apenas se endividar”, explicou a especialista em finanças.

Continua após a publicidade

Tmabém é importante que o consumidor fça uma lista com o que precisa comprar e perceber se ele é realmente necessário ou um simples desejo.

“Desejo é algo que passa, é momentâneo. Necessidade é algo que eu preciso e é indispensável para o meu dia a dia. Após isso, é preciso analisar se tem condições de pagar, ou seja, se irei me endividar para ter este produto ou serviço”, pontua a especialista do Sicoob Engecred.

Jennyfer ainda destacou a importância de pesquisar os preços. Segundo ela, isso vai garantir que o consumidor faça realmente a aquisição de um produto ou serviço com um preço adequado. “Sem a pesquisa, o cliente pode levar um produto que na verdade houve uma majoração do preço e que está com descontos entre aspas. E recomendo que esse levantamento seja realizado com antecedência prévia. É uma forma de programação financeira”.

Cuidados com os golpes

O período da Black Friday também é um momento que muitos golpistas atuam com o intuito de aproveitar o consumo das pessoas. Sobre isso, Jennyfer deu dicas que podem evitar uma dor de cabeça.

Um alerta da especialista é sobre o mesmo produto que apresenta preços diferentes na loja física e na virtual, já que uma das fraudes acontecem com páginas falsas, que simulam o site oficial de uma marca ou loja conhecida.

“Ofertas com valores consideráveis de desconto, que se você for analisar é um preço muito abaixo do mercado pode ser que tenha algo errado nisso. E aquela compra pode se tornar um prejuízo financeiro. Por isso, eu recomendo que você digite o site, e não clique nos links para ser direcionado”, orientou Jennyfer Torres.

Veja Também