Vila Nova poupa titulares em estreia na Copa Verde

Alvirrubro dá oportunidades a jogadores reservas no duelo contra o Brasília, nesta quinta-feira, no Estádio Mané Garrincha

Postado em: 18-02-2016 às 00h00
Por: Redação
Alvirrubro dá oportunidades a jogadores reservas no duelo contra o Brasília, nesta quinta-feira, no Estádio Mané Garrincha

Edivaldo Barbosa

Com uma campanha irregular no 1º turno do Campeonato Goiano, o Vila Nova dá um tempo na competição estadual e foca agora as atenções para a Copa Verde. Nesta quinta-feira, o alvirrubro estreia no torneio regional contra o Brasília, às 20h15, no Estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília.  O técnico Márcio Fernandes, preocupado com a recuperação da equipe no Goianão, decidiu poupar jogadores titulares para o confronto desta noite.  

Apesar de ser uma competição que garante vaga na Copa Sul-Americana, o Vila Nova optou por não investir pesado na Copa Verde – pelo menos para a partida de estreia diante do Brasília. Márcio Fernandes não divulgou a escalação, mas adiantou que o atacante Frontini, o volante Robston, o lateral Marinho Donizete, o zagueiro/volante Anderson, o volante Victor Bolt e o meia Fernando Neto, além do goleiro Edson, não entrarão em campo nesta noite.

Continua após a publicidade

Esses atletas, segundo o técnico vilanovense, ficarão treinando em Goiânia para o confronto do próximo domingo, contra o Trindade, no Serra Dourada, jogo da primeira rodada do returno do Campeonato Goiano. Robston, porém, chegou a dizer que pretendia atuar para ganhar ritmo de jogo. Fernandes conversou com o elenco e achou por bem poupar jogadores, principalmente os mais experientes, para evitar desgaste físico e contusões.

Com isso, o atacante Wendell Lira poderá, finalmente, começar uma partida como titular – atuou apenas no final do segundo tempo contra Trindade. Apesar de ter poupado a maioria dos atletas veterantes, Márcio decidiu manter o goleiro Edson entre os titulares. Na zaga, não será novidade se o técnico sacar Reginaldo e Douglas Assis e promover as entradas de Brunão e Luizão, jogadores remanescentes da base do clube. Patrick está confirmado no lugar de Marinho Donizete na lateral-esquerda.

Com as ausências dos titulares Anderson, Robston, Victor Bolt e Fernando Neto no meio-campo, o comandante colorado decidiu modificar novamente o esquema de jogo. Ao invés do 4-5-1, ele volta a adotar o esquema ofensivo 4-3-3, com Vitor Rossini, Leandro Bulhões e Zotti na armação. Na frente, Matheus Anderson, Diego Cardoso e Wendell Lira terão a missão de superar a defesa do Brasília.

A Copa Verde chega à sua terceira edição e será a primeira vez que o Vila Nova disputará o torneio – além do alvirrubro, a Aparecidense será outro time representante do futebol goiano. Ao todo, 18 clubes disputam a competição, sendo que o campeão terá vaga assegurada na Copa Sul-Americana.

Brasília

Ex-Goiás, o técnico Julinho Camargo comanda o Brasília. A estreia dele na equipe do Distrito Federal aconteceu no último domingo, quando empatou por 1 a 1 com o Santa Maria, pela 3ª rodada do Campeonato Candango.

Pela primeira vez nesta temporada, o Brasília jogará no Estádio Nacional Mané Garrincha – estava mandando seus jogos em Luziânia. O clube espera, neste ano, repetir a campanha vitoriosa da Copa Verde. Na edição inaugural do torneio, em 2014, o colorado do Distrito Federal sagrou-se campeão da Copa Verde após vencer o Paysandu em cobranças de pênaltis depois de 2 a 1 para o time paraense, e 2 a 1 para o representante candango, no Mané Garrincha.

Os ingressos para o confronto desta noite estarão à venda nas bilheterias do Estádio Nacional Mané Garrincha, a partir das 10 horas da manhã. O preço é de R$ 30,00 a inteira. Quem levar um quilo de alimento não perecível, terá direito a pagar meia-entrada, ou seja, R$ 15,00. 

Veja Também