Mais ação para o Goiás e menos desculpas

Postado em: 30-06-2016 às 06h00
Por: Sheyla Sousa
Goleiro Renan entende cobrança da torcida e quer reação do Goiás na Série B do Brasileiro

Felipe Bonfim

Apesar de já acumular quatro jogos sem derrota, o Goiás segue em situação delicada no Campeonato Brasileiro da Série B. Com apenas 14 pontos somados, o alviverde ocupa o 16º lugar na classificação. Primeiro fora da zona de rebaixamento, o clube goiano ainda sonha com o acesso, mas encara, a cada rodada, a dura realidade da parte baixa da tabela.

A fase ruim pode ser explicada pelas diversas dificuldades enfrentadas pelos esmeraldinos, não só dentro de campo, mas também fora dele. Apesar de reconhecer as adversidades, o goleiro Renan ressalta que a torcida costuma não ter paciência frente aos problemas e cobra reação dos companheiros.

“Acho que nós temos muitas desculpas para dar. São lesões, desfalques, problemas pessoais, troca de comando, novo treinador com pouco tempo para trabalhar, mas o que fica no futebol é o resultado. O torcedor não entende essas situações, ele quer uma reação”, disse.

O elenco do Goiás se reapresentou na tarde de ontem, no CT Edmo Pinheiro, e deu início aos trabalhos visando o confronto com o CRB-AL, no próximo sábado, fora de casa. Os atletas que foram titulares no empate sem gols com o Paysandu, na terça-feira, fizeram apenas uma atividade regenerativa, enquanto o restante foi a campo e trabalhou normalmente.

Para o duelo do final de semana, no Estádio Rei Pelé, o técnico Léo Condé não poderá contar com o atacante Rossi, que recebeu o terceiro cartão amarelo. O volante David cumpriu suspensão automática e está novamente à disposição do treinador alviverde.

Reforço

O Goiás acertou a contratação do zagueiro Artur, 26 anos. O defensor pertence ao Fluminense e estava emprestado ao América-MG. No futebol goiano, ele se destacou vestindo a camisa do Atlético entre 2013 e 2014, temporadas em que foi dono da posição. Na equipe esmeraldina, a concorrência por uma vaga entre os onze será com Anderson Salles, David Duarte, Felipe Macedo e Wesley Matos.

Defendendo as cores do Coelho no primeiro semestre, Artur esteve em campo em 16 oportunidades, inclusive na decisão do Campeonato Mineiro, quando o clube se sagrou campeão sobre o Atlético-MG. Ele realizou exames médicos e físicos ontem antes de firmar contrato por empréstimo. 

Compartilhe: