Gabriel Jesus faz estreia convincente na seleção

Gabriel Jesus brilha na altitude de Quito e coroa estreia de Tite com goleada do Brasil sobre o Equador

Postado em: 02-09-2016 às 06h00
Por: Redação
Gabriel Jesus brilha na altitude de Quito e coroa estreia de Tite com goleada do Brasil sobre o Equador

A noite de ontem ficará na memória do técnico Tite e do atacante Gabriel Jesus. Os dois foram fundamentais na vitória do Brasil sobre o Equador, por 3 a 0, no Estádio Olímpico Atahualpa, em Quito. O jogador marcou dois dos três gols brasileiros – Neymar foi quem abriu o placar – e garantiu o triunfo da seleção em duelo válido pela 7ª rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia.
Após primeiro tempo ruim, equipe nacional voltou melhor na segunda etapa, dominou as ações e fez o placar com naturalidade. Os atletas voltam a campo na próxima terça-feira, contra a Colômbia, na Arena da Amazônia, em Manaus.

O jogo
Se não tivesse voltado do intervalo tão diferente, o Brasil teria dificuldades em furar o bloqueio do goleiro Dominguéz. Na verdade, seria complicado até levar perigo ao sistema defensivo adversário, bem montado e que deu poucos espaços à seleção. A solução encontrada pelos brasileiros nos primeiros minutos foi arriscar de longa distância e foi só assim que assustaram os equatorianos.
Mais acionado, Gabriel Jesus bateu de fora da área por três oportunidades e o William também chutou de longe, mas faltava melhorar a pontaria.
Os rivais chegaram ao ataque apenas com erros dos defensores do Brasil e a melhor chance foi com Noboa, mas Alison, bem colocado, defendeu com segurança. Eles trabalharam para chegar, principalmente, pelo lado esquerdo, nas costas de Daniel Alves, espaço que preenchido mais tarde por Tite.
O segundo tempo foi melhor, principalmente após a entrada de Philippe Coutinho, jogador do Liverpool, na vaga de William. Aos 18 e aos 19 minutos, a seleção esteve perto de abrir o placar com Renato Augusto, que recebeu dentro da área e bateu por cima, e Marcelo, com chute forte após rebote vindo da defesa.
O gol finalmente saiu aos 24 da etapa final. O zagueiro Mina vacilou e permitiu que Gabriel Jesus roubasse a bola na entrada da área. O goleiro Dominguéz tentou corrigir o erro do companheiro e derrubou o atacante na área. Na cobrança de pênalti, Neymar finalizou bem, no canto esquerdo, e fez 1 a 0.
Atrás no placar, o Equador precisou se expor e deu mais espaços. A situação ficou ainda mais complicada quando Paredes recebeu o segundo cartão amarelo após falta em Renato Augusto e foi expulso.
A vitória estava próxima e ficou ainda mais encaminhada quando Jesus recebeu de Marcelo na área, improvisou de calcanhar e fez seu primeiro com pela equipe principal do Brasil. Já nos acréscimos, o garoto do Palmeiras e futuro do Manchester City, fechou o placar. Ele trabalhou com Neymar, girou sobre a marcação adversária e bateu de fora da área, sem chances para o goleiro equatoriano, 3 a 0.

Veja Também