Micale é demitido da seleção Sub-20

O treinador não resistiu à pressão após insucesso do Sul-Americano da categoria

Postado em: 21-02-2017 às 06h00
Por: Sheyla Sousa
O treinador não resistiu à pressão após insucesso do Sul-Americano da categoria

Felipe Bonfim

Rogério Micale não é mais um técnico da seleção brasileira Sub-20. Campeão olímpico em agosto de 2016, o treinador não resistiu à pressão após insucesso do Sul-Americano da categoria. Com o quinto lugar na competição, o Brasil fica fora do Mundial. Além do comandante, o coordenador das categorias de base, Erasmo Damiani, também foi desligado.

Continua após a publicidade

Micale se reuniu com o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Marco Polo del Nero, após retornar de Monaco, onde participava de premiação esportiva. Ele foi então comunicado da decisão. Damiani já havia sido demitido logo após o retorno do Equador, país que sediou o Sul-Americano. Além da dupla, também deixam a seleção Rogerio Maia, preparador de goleiros, Paulo Xavier, coordenador de scout, Gustavo Copertino, administrador, e Vinicius Costa, supervisor.

Rogério Micale asssumiu a seleção brasileira Sub-20 em maio de 2015 para substituir Alexandre Gallo. Quando Dunga foi demitido da equipe principal para a chegada de Tite, ele ficou também a cargo do time olímpico, tendo conquistado o título da competição pela primeira vez na história.

O agora ex-treinador do Brasil tinha contrato para o ciclo olímpico de 2020, mas o vínculo não foi suficiente para suportar o fracasso no Sul-Americano. A seleção venceu apenas um dois cinco jogos do hexagonal final e não participará do Mundial da categoria, disputado na Coreia do Sul, em maio. 

Foto: reprodução (TV Galo)

Veja Também