Com reservas, Atlético-GO visita o Grêmio Anápolis no jogo de ida da semifinal

Postado em: 04-05-2021 às 09h00
No último duelo entre as duas equipes, no Jonas Duarte, Atlético-GO e Grêmio Anápolis empataram por 1 a 1 | Foto: Comunicação/ACG

O Atlético Goianiense está passando por uma maratona de jogos no início da temporada. O rubro-negro vai disputar quatro partidas em sete dias, e o primeiro foi no último domingo quando empatou sem gols contra o Goiás e avançou no Goianão. Nesta terça-feira (4/5), o rubro-negro tem pela frente o Grêmio Anápolis, no estádio Jonas Duarte, às 18h (horário de Brasília) pelo jogo de ida da semifinal do torneio estadual, na quinta tem Sul-Americana e no domingo o duelo de volta contra a Raposa.

“É um jogo difícil, os quatro melhores times chegaram na semifinal. O Grêmio Anápolis é um time jovem e intenso. Precisamos pegar os dois jogos da fase de grupos e encontrar o lado para ser explorado deles, tenho certeza que o Jorginho vai passar isso para todos e vamos fazer um grande jogo”, analisou Arnaldo, lateral-direito do Atlético-GO.

Com essa sequência pela frente, o Atlético Goianiense vai enfrentar o Grêmio Anápolis com o considerado “grupo dois”. O treinador Jorginho, assim como o presidente Adson Batista, já confirmaram que os titulares vão ser poupados após vencerem o Palestino-CHI, em Rancagua-CHI, na última semana e se classficarem com um empate sem gols contra o rival Goiás. Com a folga, os titulares só retornam contra o Libertad-PAR, em duelo importante pela Copa Sul-Americana.

O “grupo dois” ainda será reforçado, conforme informou o próprio treinador Jorginho. O zagueiro Oliveira, que estava afastado por conta de uma tendinite no joelho direito, retorna a equipe e será o companheiro de Michel na zaga, com isso Igor Cariús, que estava atuando improvisado, vai jogar na sua posição de origem, na lateral-esquerda, e Carlos Henrique fica como uma opção no banco de reservas.

Quem também será titular é o atacante Roberson. O jogador que não enfrentou o Palestino-CHI, pois estava suspenso, entrou em campo nos minutos finais contra o Goiás e agora vai ter a possibilidade de atuar os 90 minutos. O atleta é o artilheiro da equipe no Campeonato Goiano, com seis gols marcados, estando atrás apenas de Alex Henrique, da Aparecidense e que balançou as redes em oito oportunidades.

Grêmio Anápolis

Companheiro de Atlético Goianiense no grupo A, a equipe comandada por Cléber Gaúcho aposta em jovens jogadores e a fórmula deu resultado. O Grêmio Anápolis, pela primeira vez, se classificou para disputar a Série D do Campeonato Brasileiro e ao lado de Aparecidense e Anápolis serão os representantes do estado na competição em 2022. Além disso, ainda pode confirmar um lugar na Copa do Brasil da próxima temporada, mas a situação não está fácil.

Se o Grêmio Anápolis conseguir ir para a final, vai estar no torneio mais democrático do país. Apesar disso, se acabar sendo eliminada com duas derrotas, ou até mesmo dois empates, não consegue ultrapassar a pontuação da Aparecidense (24×21) e ficaria atrás da equipe de Aparecida de Goiânia. Se o Camaleão eliminar o Vila Nova e ir para a decisão, o Grêmio Anápolis precisa tirar dois pontos em relação ao Tigre nos dois jogos da semifinal, para ficar em terceiro na classificação geral. 

O Grêmio Anápolis foi a primeira equipe a frear o Atlético Goianiense. O rubro-negro conseguiu 10 vitórias em 12 jogos, com apenas dois empates, o primeiro deles contra a Raposa e o segundo contra o Goiás neste último fim de semana. Na estreia de Jorginho, os dois clubes se enfrentaram no estádio Jonas Duarte e ficaram na igualdade por 1 a 1.

FICHA TÉCNICA
Grêmio Anápolis x Atlético-GO

Data: 4 de maio, 2021
Horário: 18h (de Brasília)
Local: Estádio Jonas Duarte, em Anápolis-GO

Árbitro: Elmo Resende
Assistentes: Edson Antônio e Márcio Soares

Grêmio: Jordan; Baiano, Gut, Danrlei e Mateus Rodrigues; Lúcio, Araújo e Vitor Braga; Ronald, Lucão e Matheus Martins. Técnico: Cléber Gaúcho

Atlético: Kozlinski; Arnaldo, Oliveira, Michel e Igor Carius; André Lima, Gabriel Baralhas e Matheus Oliveira; André Luis, Danilo Gomes e Roberson. Técnico: Jorginho

Por: Felipe André
Compartilhe: