Fora de casa, Vila Nova tenta reverter vantagem do Bahia para seguir vivo na Copa do Brasil

Postado em: 09-06-2021 às 06h15
Por: Breno Modesto
O técnico Wagner Lopes entende que, para o Vila Nova avançar, será preciso correr riscos diante do Bahia | Foto: Douglas Monteiro/Vila Nova FC

Depois de perder por 1 a 0 no jogo de ida, o Vila Nova tem uma difícil missão nesta quarta-feira (9). Fora de casa, o time comandado pelo técnico Wagner Lopes tentará reverter a vantagem obtida pelo Bahia em pleno Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga.

Para conseguir a classificação no tempo normal, o Colorado terá de derrotar o Tricolor Baiano por, no mínimo, dois gols de diferença. Diante disso, o comandante vilanovense cita que será necessário que seus comandados corram riscos contra o adversário.

“Temos que administrar os riscos. Então, nós sabemos que o adversário nos induzirá a marcarmos em blocos altos para que eles possam usar a velocidade do Rossi, a triangulação rápida do Rodriguinho e até mesmo as diagonais, com o Gilberto. É saber ter o equilíbrio entre atacar e marcar. Mas, como precisamos fazer o resultado, teremos de correr certos riscos, mas com equilíbrio”, disse Wagner Lopes. 

Apesar do placar adverso e dos desfalques que tem para encarar o Bahia, o treinador mostra confiança em seu plantel. De acordo com Wagner Lopes, jogos contra equipes de Série A tendem a ser mais difíceis, mas isso não impede que seus atletas consigam a classificação para as oitavas de final, que renderia cerca de R$ 2,8 milhões aos cofres colorados.

“Eu acredito muito nos jogadores que tenho. E a nossa maneira de jogar é com a circulação de bola, buscando o ataque e tentando envolver o adversário. É claro que existem adversários mais fáceis e mais difíceis. Nós estamos jogando contra um dos primeiros colocados da Série A. Então, não é um jogo fácil. Mas nós vamos jogar com vontade e com personalidade, buscando envolver o adversário, para criar oportunidades e finalizar”

Questionado sobre já ter vivido alguma situação semelhante com a desta quarta (9), Wagner Lopes lembra de um confronto entre Paulista e Cruzeiro, pela mesma Copa do Brasil, no ano de 2005, onde acabou campeão com a equipe de São Paulo.

“Já vivi muita situação parecida, mas me lembro de uma pela Copa do Brasil, em 2005, quando o Paulista foi campeão. Nós tínhamos um resultado adverso de 3 a 0 diante do Cruzeiro, no Mineirão. O regulamento era diferente (do atual), mas, na época, nós fizemos dois gols na volta do intervalo e conseguimos a classificação. Então, eu acho que, no futebol, tudo pode acontecer. Por isso, é um esporte apaixonante. Então, sabemos que é possível e acreditamos que podemos levar essa classificação”, finalizou Wagner Lopes.

Ficha técnica


Bahia x Vila Nova

Data: 09 de junho de 2021

Horário: 19h

Local: Estádio de Pituaçu, em Salvador (BA)

Árbitro: Thiago Luis Scarascati (SP)

Assistentes: Neuza Inês Back (SP) e Luiz Alberto Andrini Nogueira (SP)

Bahia: Mateus Claus; Renan Guedes, Germán Conti, Luiz Otávio e Matheus Bahia; Patrick de Lucca, Matheus Galdezani e Thaciano; Rossi, Gilberto (Thonny Anderson) e Rodriguinho.

Técnico: Dado Cavalcanti

Vila Nova: Georgemy; Pedro Bambu, Walisson Maia, Renato e Willian Formiga; Dudu, Arthur Rezende e João Pedro; Cardoso, Henan e Kelvin.


Técnico: Wagner Lopes

Compartilhe: