Com retornos, Eduardo Barroca tem dúvidas para enfrentar o Sport

Após a vitória diante do Grêmio, na noite do último domingo (4/7), o Atlético Goianiense terá poucos dias para trabalhar, já que

Postado em: 06-07-2021 às 08h30
Por: Felipe André
João Paulo, que sentiu uma lesão muscular, voltou a treinar e pode ser uma das novidades contra o Sport | Foto: Bruno Corsino/ACG

Após a vitória diante do Grêmio, na noite do último domingo (4/7), o Atlético Goianiense terá poucos dias para trabalhar, já que volta aos gramados nesta quarta-feira (7/7). O rubro-negro goiano recebe o Sport, às 19h15 (horário de Brasília), no estádio Antônio Accioly. Os atletas que não começaram a partida contra o Tricolor Gaúcho treinaram na manhã desta segunda-feira (5/7) e o elenco retornou à tarde, menos o treinador Eduardo Barroca que ministrou uma aula do curso de Licença A da CBF no Rio de Janeiro e retorna para aplicar o treinamento na manhã desta terça-feira (6/7).

Assim que chegar, Eduardo Barroca vai ficar a par da situação do meio-campista João Paulo. O treinador revelou que o atleta já voltou a integrar os treinos e está na transição, existindo a possibilidade de ser relacionado para o duelo contra o Sport. Caso o atleta ainda não reúna condições de participar do jogo, a boa atuação de Baralhas pode resultar na permanência do esquema com três volantes.

“Ainda não tenho convicção que o João Paulo não vai estar apto (para enfrentar o Sport), pois ele já está treinando em Goiânia, ainda não tenho essa resposta. Ele é um atleta muito importante para a gente, mas eu não consigo cravar com quais jogadores vou iniciar a próxima partida, preciso recuperar eles fisicamente, fazer as avaliações médicas, olhar os que estão se recuperando, assistir o jogo contra o Grêmio, sem a emoção, observar o material do nosso próximo adversário e então em conjunto com a comissão técnica, como temos feitos sempre, o Atlético-GO tem um corpo de trabalho muito bom”, disse o treinador Eduardo Barroca.

Continua após a publicidade

As únicas garantias que Eduardo Barroca possui para a próxima rodada, são os retornos de Natanael e Janderson. Os jogadores receberam o terceiro amarelo contra o Atlético-MG e estavam suspensos para o duelo contra o Grêmio. Caso o treinador decida manter o esquema com três atacantes, Natanael deve retornar a sua posição de origem e com isso Igor Cariús retorna ao banco de reservas.

A principal dúvida se torna o ataque atleticano. Arthur Gomes que iniciou a jogada do gol de Lucão e André Luís, pela ponta direita, fizeram bom jogo e foram elogiados nas redes sociais. O retorno de Janderson acirra uma disputa pela beirada do campo, que em breve vai contar com Ronald, o jovem atleta deixou o departamento médico e iniciou a transição no gramado, podendo ficar à disposição de Eduardo Barroca para os próximos jogos, mas se mantém como dúvida para enfrentar o Sport.

A disputa entre os camisas nove também promete permanecer acirrada para as próximas rodadas. Zé Roberto foi titular em praticamente toda a temporada, onde marcou nove gols em 25 jogos, mas perdeu espaço para Lucão, que diante do Grêmio marcou o único gol da partida que garantiu os três pontos para o time goiano.

“O Zé Roberto é extremamente importante para a nossa equipe, ele completou nove jogos em sequência e iniciando a partida. O duelo contra o Atlético-MG foi difícil para ele, pois no primeiro tempo ele jogou mais sem a bola do que com ela, o que é uma característica dele, então ele se desgastou muito. O Lucão tem uma característica diferente, apesar de ser alto, ele ataca bem as costas, diferente do Zé que é mais pivô e bola no pé. Entendi que contra o Grêmio era um jogo que precisava dessa característica e fiquei muito feliz com a entrada do Lucão e o Zé entrou com atitude, ajudando a equipe. Fico feliz com a competição interna”, analisou Barroca.

Veja Também