Em jogo sem muitas emoções, Vila Nova e Cruzeiro empatam sem gols no OBA

O Vila Nova segue sem vencer no Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga pela Série B do Campeonato Brasileiro. Em jogo válido pela décima

Postado em: 24-07-2021 às 18h48
Por: Breno Modesto
No Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, o Vila Nova empatou mais uma partida por 0 a 0. Desta vez, diante do Cruzeiro | Foto: Afonso Cardoso

O Vila Nova segue sem vencer no Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga pela Série B do Campeonato Brasileiro. Em jogo válido pela décima quarta rodada da segunda divisão nacional, o time comandado pelo técnico interino Higo Magalhães ficou no 0 a 0 contra o Cruzeiro.

Com o resultado, o Colorado chega aos 15 pontos conquistados, caindo para a décima quarta colocação. O próximo compromisso do Tigre será no próximo sábado (31), às 11h, fora de casa, diante do Guarani.

O jogo

Continua após a publicidade

Vila Nova e Cruzeiro protagonizaram uma partida sem muitas emoções no OBA. No primeiro tempo, a melhor oportunidade foi cruzeirense. Na marca dos 33 minutos, após bela jogada trabalhada do ataque mineiro, a bola sobrou para o volante Rômulo, que arriscou de fora da área. O chute colocado do jogador explodiu na trave de Georgemy.

O Tigre até começou a etapa bem, mas nenhuma tão perigosa quanto a de Rômulo. As melhores oportunidades foram com Henan, aos 13, Alan Grafite, aos 20, e Arthur Rezende, na marca de 25 minutos. Na etapa final, as equipes fizeram um jogo amarrado e bastante truncado, sem nenhuma chance clara de gol.

Ficha técnica

Vila Nova 0x0 Cruzeiro

Data: 24 de julho de 2021

Horário: 16h30

Local: Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia (GO)

Árbitro: Alexandre Vargas Tavares (RJ)

Assistentes: Thiago Rosa de Oliveira (RJ) e Lillian da Silva Fernandes (RJ)

Vila Nova: Georgemy; Renato (Cardoso), Rafael Donato e Xandão; Lucas Mazetti, Dudu, Arthur Rezende, Renan Mota (Cássio Gabriel) e Willian Formiga; Henan (Pedro Júnior) e Alan Grafite (Alesson).

Técnico: Higo Magalhães

Cruzeiro: Fábio; Ramon, Eduardo Brock e Rhodolfo; Norberto, Lucas Ventura (Flávio), Rômulo (Giovanni) e Felipe Augusto; Rafael Sóbis (Bissoli), Bruno José (Wellington Nem) e Thiago.

Técnico: Mozart

Veja Também