Terça-feira, 07 de fevereiro de 2023

Apesar de “perder ritmo de jogo”, Barroca aponta ajustes no Atlético-GO antes de duelo contra o Corinthians

Duas semanas livres de jogos para o Atlético Goianiense, um cenário pouco comum dentro do futebol brasileiro, mas que se tornou realidade

Postado em: 10-09-2021 às 15h07
Por: Felipe André
Eduardo Barroca (esq) ao lado da comissão técnica do Atlético-GO durante as duas semanas de preparação que o clube teve | Foto: Bruno Corsino/ACG

Duas semanas livres de jogos para o Atlético Goianiense, um cenário pouco comum dentro do futebol brasileiro, mas que se tornou realidade nos últimas dias para o rubro-negro. Após o empate sem gols diante do Internacional, em Goiânia, o Dragão só volta aos gramados neste domingo (12/9), às 18h15 (horário de Brasília), no estádio Antônio Accioly, contra o Corinthians, pela 20ª rodada.

Com tempo para treinar, Eduardo Barroca sinalizou alguns ajustes que fez no time atleticano, apesar de não apontar em quais setores isso aconteceu. O rubro-negro não vence já tem sete partidas consecutivas como mandante e vai ter uma nova oportunidade de encerrar esse jejum, diante do Corinthians.

“Ficar um período longo sem jogar você perde um pouco do ritmo de jogo e da competitividade, mas estávamos precisando desse tempo para fazer alguns treinos aquisitivos, alguns ajustes, recuperar os jogadores fisicamente, para deixar todos em condição de igualdade e fomentar a competição interna. Entendo que aproveitamos bem esse período, alguns jogadores estavam com número alto de jogos, treinamos muito a bola parada e esse período foi um privilégio, já que em outubro e novembro temos a possibilidade de fazer 17 jogos em dois meses. Temos a expectativa de transferir para dentro do campo tudo isso”, analisou Eduardo Barroca.

Veja Também