No sufoco, Brasil vence o Japão no final e avança para as quartas-de-final

O Brasil segue vivo na busca pelo hexacampeonato mundial e eliminou na tarde desta quinta-feira (23), o Japão em um jogão que

Postado em: 23-09-2021 às 22h38
Por: Victor Pimenta
Gadeia (13) deu os números finais a partida que deixou o Brasil na próxima fase | foto: Thais Magalhães / CBF

O Brasil segue vivo na busca pelo hexacampeonato mundial e eliminou na tarde desta quinta-feira (23), o Japão em um jogão que terminou 4 a 2 para o a seleção canarinha, na Arena Kaunas. Os gols foram marcados por Ferrão, Leozinho, Pito e Gadeia. O adversário da próxima fase será o Marrocos, que eliminou a Venezuela.

O jogo

Apesar do placar, a partida foi disputada e acirrada do início ao fim. Um primeiro tempo muito pegado em que o Japão saiu na frente logo com três minutos jogados em que o goleiro Higor lançou para Hoshi, que girou forte e finalizou e contou com a infelicidade em um erro do goleiro Guitta. O empate não demorou e o goleiro brasileiro logo ajudou também e de longe viu Ferrão livre que buscou a virada sobre a marcação e finalizou no canto sem chances para o goleiro japonês.

Continua após a publicidade

Na volta do intervalo, a Seleção Brasileira voltou melhor e dominou mais as ações do confronto e Dyego quase virou o placar acertando a trave. Com nove minutos jogados, o talento de Leozinho apareceu e em jogada individual, o ala se livrou da marcação e driblou o goleiro antes de mandar para as redes. Nos minutos finais, muita emoção. Marlon da defesa mandou no peito de Pito que ajeitou o corpo dominando para driblar o goleiro e novamente colocar mais um na conta do Brasil.

A resposta japonesa veio rápido e com goleiro-linha em quadra, tocou para Nishitani que bateu no canto sem chances para Guitta: 3 a 2. Jogando assim a todo momento, um erro do Japão foi fatal para o Brasil, que na perda da bola, Pitou e Gadeia tabelaram e o fixo chutou de longe para dar números finais ao jogo.

Próxima partida

A Seleção Brasileira volta a campo agora somente no próximo domingo (26), às 10 horas, na Arena de Vilnius para enfrentar o Marrocos, que venceu a Venezuela nas oitavas-de-final por 3 a 2.

Veja Também