Com desfalques em ambos os lados, Goiás e Vila Nova fazem clássico nesta sexta

O clássico desta sexta-feira (24) promete fortes emoções. Goiás e Vila Nova voltam a se enfrentar na Série B, dessa vez a

Postado em: 24-09-2021 às 10h00
Por: Victor Pimenta
Atacante “Rei do Gado” atuou no Vila Nova em 2019 e volta a ser titular podendo fazer valer a lei do ex | foto: Rosiron Rodrigues / Goiás EC

O clássico desta sexta-feira (24) promete fortes emoções. Goiás e Vila Nova voltam a se enfrentar na Série B, dessa vez a partida acontece no estádio Hailé Pinheiro, às 19 horas. Equipe esmeraldina tem volta de zagueiro, novidade no ataque e com 30% de seus torcedores nas arquibancadas.

Goiás

O Goiás chega no clássico após perder sua invencibilidade de dez jogos na competição. A equipe que só havia três derrotas, sofreu a quarta e a segunda sob o comando de Marcelo Cabo. A última, justamente na sua estreia diante da Ponte Preta. Nem mesmo a derrota para o Avaí fez com que a equipe esmeraldina saísse do G-4, mas com as vitórias dos rivais direto, sua vaga entre os quatro melhores da competição volta a ser ameaçada.

Continua após a publicidade

Para o confronto diante do Vila Nova nesta sexta-feira (24), o treinador Marcelo Cabo fará mudanças em relação a última partida. Cumprindo suspensão automática na partida diante do Avaí, os zagueiros Reynaldo e Iago Mendonça ficam à disposição, assim Matheus Salustiano retorna ao banco de reservas e a dupla voltará a ser formada por David Duarte e Reynaldo.

“A gente sabe da importância desse clássico, sabemos também que será um duelo difícil. Sentimos a derrota do último jogo, foi a quarta em todo campeonato e o próximo jogo é muito importante e é o tipo de jogo que para toda a cidade”, disse o zagueiro Reynaldo.

Outra mudança importante na equipe esmeraldina para o confronto será no sistema ofensivo. Isso porquê Nicolas recebeu seu terceiro cartão amarelo na partida diante do Avaí e cumpre suspensão automática. Com isso, Marcelo Cabo terá duas opções para substituir o centroavante: Bruno Mezenga e Welliton. Grandes chances do primeiro jogador começar titular, já que ele é reserva direto e entrou na última partida, já que o segundo ficou em Goiânia aprimorando mais a parte física e não deve ter condições de atuar os noventa minutos.

Torcida

Após o jogo-teste diante do Brasil de Pelotas, onde foi liberado a presença de 1.500 torcedores esmeraldinos para acompanhar seu time na Série B. Agora nesta sexta-feira, no clássico diante do Vila Nova, a capacidade aumentou, podendo até 30% do estádio, assim, 2.300 torcedores acompanharão de perto o confronto válido pela 26ª rodada da Série B.

A diretoria esmeraldina iniciou nesta quinta-feira (23) a venda antecipada dos ingressos, que acontecerá somente online no site do Goiás. O valor do bilhete terá o preço único de R$ 50,00. Todas as regras utilizadas no jogo contra o Brasil de Pelotas serão repetidas no clássico diante do Vila Nova, como a exigência do certificado de vacinação (contendo as duas doses), ou o exame negativo para covid-19.

Vila Nova

Com apenas dois dias de trabalho após o empate sem gols com o Confiança, na terça-feira (21), Higo confessa que teve apenas um trabalho tático, para ajustar algumas situações. Apesar disso, o comandante mostrou confiança no seu elenco, que, segundo ele, já está recuperado e pronto para o clássico.

“Tivemos apenas um dia para recuperar os atletas e outro para fazer alguns ajustes táticos. Mas podem ter certeza de uma coisa: nós vamos entrar no jogo muito motivados por conta de vários elementos. O primeiro é o clássico em si, que mexe com a cidade, com o nosso clube. O torcedor está esperançoso para este clássico. E nós também temos esse entendimento de que é um jogo diferente. Ainda tem muita coisa pela frente na competição, mas o clássico é um jogo à parte. Tenho que mobilizar os atletas, para que eles entendam que o jogo vai ser muito difícil. Nós temos condições de fazer um grande duelo. Recuperamos todas as nossas energias. O jogo passado não foi como queríamos, mas a competição continua. Temos essa possibilidade de sair dessa zona que nos incomoda”, disse o treinador vilanovense.

Desfalque

Na terça (21), diante do Confiança, o lateral-esquerdo Bruno Collaço levou o terceiro cartão amarelo e terá de cumprir suspensão automática. Assim, contra o Goiás, Willian Formiga deve voltar a começar uma partida como titular. Já o volante Pedro Bambu, que estava lesionado, treinou ontem, mas ainda segue como dúvida. Além disso, o comandante colorado terá o retorno de Dudu, que estava suspenso na última rodada e completará 100 jogos pelo Tigre nesta sexta (24).

Ficha técnica:

Goiás x Vila Nova

Data: 24 de setembro de 2021

Horário e local: 19 horas, estádio Hailé Pinheiro, Goiânia

Arbitragem: Marcelo de Lima Henrique (RJ); assistentes: Eduardo Gonçalves da Cruz (MS) e Márcia Bezerra Lopes Caetano (RO); quarto árbitro: Osimar Moreira da Silva Júnior (GO).

Goiás: Tadeu; Apodi, Reynaldo, David Duarte, Hugo; Rezende, Caio Vinicius, Diego, Élvis; Alef Manga e Bruno Mezenga (Welliton). Técnico: Marcelo Cabo.

Vila Nova: Georgemy; Moacir, Rafael Donato, Renato, Willian Formiga; Dudu, Arthur Rezende, Tiago Real, Kelvin, Clayton e Alesson. Técnico: Higo Magalhães.

Veja Também