Após acesso de divisão, treinador afirma: “Muda o patamar da Aparecidense”

Postado em: 17-10-2021 às 18h00
Por: Victor Pimenta
Jogadores comemoram após gol de Negueba que deixou equipe mais próxima da Série C | foto: Nicolle Mendes / Aparecidense

A Aparecidense está classificada para o Campeonato Brasileiro da Série C. Após nove temporadas jogando a Série D, de 2012 até 2021, exceto em 2014, a Cidinha superou as dificuldades para enfim carimbar o tão sonhado acesso para a terceira divisão nacional.

Após bater na trave na temporada 2020, caindo nas quartas de final para o Mirassol, a campanha na atual edição foi excelente o que credenciou o tão sonhado acesso. Após vencer o Uberlândia na partida de ida por 1 a 0, o jogo de volta foi disputado até o final. Negueba fez no após entrar na partida e Daniel Ribeiro de pênalti, igualou ainda nos acréscimos.

“Eu brinco muito com os meninos de fora e disse que ia entrar e fazer o gol. A gente acaba brincando bastante ali de fora e acho que tudo que a gente fala, reflete na nossa vida, falamos na brincadeira, mas as coisas refletem e quando eu fiz o gol, só pensei na minha família e nas pessoas que oram por mim, que tiram um tempo para mim e estou muito feliz”, disse Negueba, autor do gol.

No clube desde 2017, Thiago Carvalho viveu a Aparecidense como jogador e treinador, onde assumiu em 2020. Na última temporada, a Aparecidense ficou muito próxima do acesso, caindo nas quartas-de-final, para o Mirassol. Esse ano, ele ganhou respaldo da diretoria e permaneceu para então subir a equipe goiana para a Série C.

“Todos os campeonatos que a gente disputou, chegamos para disputar o título. No goiano chegamos nas semifinais, na Série D do ano passado, na própria Copa Verde perdemos para o Cuiabá nas quartas, enfim, isso motiva e mostra que estamos no caminho certo e faltava coroar e bater o martelo com uma conquista e graças a Deus que foi hoje, porque a gente quebrou um tabu também da Aparecidense de sempre chegar a não ganhar. Fico feliz de estar nesse trabalho e essa conquista fez mudar o patamar da Aparecidense”, disse o treinador Thiago Carvalho.

Compartilhe: