Goiás sofre dois gols, mas busca empate nos minutos finais contra a Ponte Preta

Foi sofrido e nos minutos finais, mas o Goiás somou um ponto na Série B. A equipe esmeraldina saiu atrás do placar

Postado em: 03-11-2021 às 00h02
Por: Felipe André
Goiás saiu atrás do placar, buscou empate e perdeu a chance de se aproximar dos primeiros colocados | Foto: Afonso Cardoso

Foi sofrido e nos minutos finais, mas o Goiás somou um ponto na Série B. A equipe esmeraldina saiu atrás do placar e sofreu dois gols, mas buscou o empate diante da Ponte Preta, por 2 a 2 , na noite desta terça-feira (2/11), no estádio Hailé Pinheiro. Os gols foram marcados por Dada Belmonte e Alef Manga para os mandantes, enquanto Fábio Sanches e Léo Naldi balançaram as redes para os visitantes.

Primeiro tempo

O Goiás começou a partida fazendo seu papel de mandante e indo ao ataque, mas levou pouco perigo ao goleiro Ivan. Nicolas, Welliton e Apodi tiveram suas chances, mas nenhuma que aproximasse do gol esmeraldino. E o ditado é aquele, quem não faz leva. Das poucas chances que a Ponte Preta teve, fez o gol. Em cobrança de escanteio de Rafael Santos, o zagueiro Fábio Sanches, ex-Goiás, subiu mais alto que a marcação e cabeceou para o fundo das redes.

Continua após a publicidade

Mesmo com a desvantagem o Goiás foi para cima, mas não conseguiu empatar o placar, porque a bola não chegava nos atacantes e Ivan não chegou a fazer nenhuma defesa com muito perigo. Foi aí que a Ponte Preta fez o segundo. Rodrigão fez um belo pivô antes de finalizar. A bola bateu na defesa e voltou no pé de Léo Naldi, que de longe colocou no canto direito de Tadeu. Fim do primeiro tempo com o time alvinegro vencendo por 2 a 0.

Segundo tempo

Com a desvantagem no placar, Glauber então promoveu mudanças na volta do intervalo, colocando Alef Manga e Fellipe Bastos nos lugares de Luan Dias e Rezende, respectivamente. As mudanças surtiram efeito, não instantâneo, mas aos poucos o Goiás chegou com mais perigo. Welliton foi quem fez Ivan defender a primeira tirando para escanteio. A torcida então começou a motivar a equipe mesmo com a derrota.

Aos vinte e oito, bela cobrança de escanteio de Elvis para Nicolas que cabeceou na área e Dadá Belmonte de peixinho mandou para as redes. Logo depois, mais uma chance de perigo e com Nicolas, mas a bola parou na defesa ponte pretana. Até que aos quarenta do segundo tempo, Dadá Belmonte cruzou na medida para Alef Manga que cabeceou no canto de Ivan para empatar a partida. No final, Fellipe Bastos finalizou bem, mas a bola pegou na cara de Bruno Mezenga, que impediu o terceiro. Fim de jogo na Serrinha, Goiás ficou somente no empate diante da Ponte Preta em 2 a 2. (Especial para O Hoje)

FICHA TÉCNICA

Goiás 2×2 Ponte Preta


Data: 02 de novembro de 2021


Horário e local: 21h30, estádio Hailé Pinheiro, Goiânia


Arbitragem: Caio Max Augusto Vieira (RN)

Assistentes: Jean Marcio dos Santos (RN) e Lorival Candido das Flores (RN)

Quarto árbitro: Osimar Moreira da Silva Júnior (GO).

Gol: Dadá Belmonte 28’2T e Alef Manga 43’2T (Goiás)Fábio Sanches 30’1T e Léo Naldi 46’1T (Ponte Preta)

Goiás: Tadeu; Apodi (Dadá Belmonte), David Duarte, Reynaldo, Hugo; Rezende (Fellipe Bastos), Dieguinho, Luan Dias (Alef Manga), Élvis; Wellinton (Albano) e Nicolas (Bruno Mezenga). Técnico: Gláuber Ramos.

Ponte Preta: Ivan; Felipe Albuquerque, Rayan, Fábio Sanches, Rafael Santos (Marcelo Hermes); Marcos Júnior (Camilo), Léo Naldi, Yago Henrique (André Luiz); Niltinho, Rodrigão (Josiel) e Iago (Richard).Técnico: Gilson Kleina.

Veja Também