Goiás vence a segunda no futebol de 5 e vai disputar a medalha de ouro contra São Paulo

Postado em: 25-11-2021 às 16h35
Por: Victor Pimenta
Raynã Oliveira é o artilheiro isolado das Paralimpíadas Escolares, com seis gols marcados | foto: Ale Cabral / CPB

Por: Redação

No segundo dia de disputas das Paralimpíadas Escolares, que estão sendo realizadas e São Paulo, a delegação goiana segue colhendo bons resultados para o Estado. Além dos destaques individuais, com medalhas no atletismo e natação, já existe uma garantia de pódio em uma modalidade coletiva.

No futebol de 5, a equipe goiana venceu sua segunda partida na competição, e agora vai lutar pela medalha de ouro do torneio. Após o a vitória sobre o Ceará por 2 a 0 na estreia, a vítima da vez foi o time da Paraíba, que foi goleado por 5 a 0.

Nesta sexta-feira (26), Goiás volta a campo para decidir a medalha de ouro contra São Paulo, às 10h30. Os donos da casa também venceram seus dois jogos, mas construíram menos saldo de gols, dando a vantagem do empate ao time goiano. Camisa 10 e capitão do time goiano, Raynã Oliveira marcou quatro gols do triunfo, e se isolou na artilharia da competição. O jogador, que está na sua terceira edição de Paralimpíadas, falou sobre a expectativa de brigar pela medalha de ouro.

“É muito bom poder disputar uma competição de nível nacional. Estávamos esperando por esse momento, depois de ficar mais de um ano parados, por conta da pandemia. Em 2019 acabamos ficando fora do pódio, mas agora já temos uma medalha garantida. Agora é descansar e pensar no jogo contra São Paulo, para buscar o título”, ressaltou o artilheiro.

Assim como seus companheiros de time, Álvaro Augusto e Pedro Paulo, Raynã é bolsista do Pró-Atleta, programa de fomento ao esporte de alto rendimento do Governo de Goiás. O jogador avalia que o recurso da bolsa é fundamental para a sua preparação no dia a dia. “Antes do Pró-Atleta eu não tinha dinheiro para fazer uma preparação física, academia, suplementação alimentar. Em tudo isso a bolsa ajuda demais, faz diferença na preparação e no resultado final”, afirmou Raynã.

Além do trio de jogadores do Futebol de cinco, mais quatro estudantes goianos que estão nas Paralimpíadas Escolares são bolsistas do Pró-Atleta. Contando com atletas, comissão técnica e staff, a delegação é composta por 89 pessoas, e conta com apoio integral de logística e transporte do Governo de Goiás.

Compartilhe: