Mais uma vez entre os titulares, Oliveira espera fazer jogo seguro contra o Internacional

Postado em: 05-12-2021 às 17h04
Por: Breno Modesto
O zagueiro Oliveira será titular no confronto contra o Internacional, nesta segunda-feira (6) | Foto: Bruno Corsino/Atlético CG

Assim como aconteceu na última sexta-feira (3), na vitória, fora de casa, contra a Chapecoense, o técnico Marcelo Cabo deve montar a zaga do Atlético Goianiense com a dupla Éder e Oliveira. Isso porque o zagueiro Pedro Henrique, que vinha sendo titular, sentiu um desconforto muscular antes do duelo em Chapecó e, mesmo correndo no último treino antes do confronto contra o Internacional, o defensor não conseguiu participar do treinamento com bola e deve seguir fora.

Desta maneira, Oliveira fará seu segundo jogo consecutivo como titular, algo que não acontecia há algum tempo. Desde julho, o zagueiro não jogava duas partidas seguidas da Série A entre os titulares. Segundo o próprio jogador, ele está concentrado, assim como os seus companheiros, que estão com a expectativa elevada para encarar o Colorado, no último jogo da temporada como visitante. 

“Estou bem concentrado, como estive na última partida. Mais uma vez, espero fazer uma partida segura, pois tenho trabalhado bastante para isso. Então, espero fazer um ótimo jogo. A expectativa é sempre alta para enfrentar uma equipe grande, como é o Internacional. A gente vinha se preparando e não tem como mudar muito o volume do nosso treino. Então, é mais parado. Mas estamos concentrados para fazer um grande jogo”, disse Oliveira.

Já garantido na primeira divisão do ano que vem, o Dragão agora sonha mais alto. Com 47 pontos, o time rubro-negro está, atualmente, na zona de classificação à próxima edição da Copa Sul-Americana, competição que disputou em 2021, mas que acabou sendo eliminado ainda na primeira fase. Caso conquiste um triunfo no Estádio Beira Rio, o Atlético-GO pode chegar à última rodada ainda com chances de alcançar um degrau ainda maior. O da pré-Libertadores.

A campanha de 2021 pode se tornar ainda mais especial, já que o Rubro-negro tem também a chance de atingir sua maior pontuação em toda a história de suas participações na Série A do Brasileirão. Atualmente, a marca é da temporada passada, quando o Dragão somou 50 pontos. Desta vez, o clube campineiro pode chegar, em 2021, aos 53, superando em três a marca do ano passado.

Compartilhe: