Bia Haddad vai à final nas duplas em Sydney; Marcelo Melo cai nas semis em Adelaide

Postado em: 14-01-2022 às 10h19
Por: Ildeu Iussef
Campeã duas vezes do WTA 250 de Bogotá, Bia Haddad disputa às 23h desta sexta-feira a final do WTA 500 de Sydney ao lado da cazaque Anna Danilina | Foto: Jimmie48/WTA

Mesmo após cair na estreia em simples no WTA 500 de Sydney, Bia Haddad vem fazendo ótima campanha nas duplas ao lado da cazaque Anna Danilina. No torneio de duplas, Bia Haddad e Anna Danilina deixaram pelo caminho as cabeças de chave número 3, a canadense Gabriela Dabrowski e a mexicana Giuliana Olmos, com vitória por 2 sets a 0, parciais de 6/4 e 6/2, em duelo válido pelas oitavas de final.

Em seguida bateram as russas Ekaterina Alexandrova e Natela Dzalamidze por 2 sets a 1, parciais de 5/7, 7/5 e 10/8, em duelo válido pelas quartas de final. Na semifinal, Bia Haddad e Danilina encararam as japonesas Shuko Aoyama e Ena Shibahara, segundas principais favoritas ao título do torneio, e venceram por 2 sets a 1, parciais de 6/4, 6/7 e 10/6.

Na decisão do WTA 500 de Sydney, Bia Haddad e Anna Danilina vão medir forças contra a dupla formada pela alemã Vivian Heisen e a húngara Panna Udvardy. Além disso, Bia Haddad e Danilina ao se garantirem na final do torneio, já garantiram pelo menos 305 pontos no ranking de duplas, onde a brasileira aparece na 485ª posição no momento – ela já foi #79 do mundo.

ATP 250 de Adelaide II

O tenista brasileiro Marcelo Melo e o croata Ivan Dodig caíram na semifinal do torneio de duplas do ATP 250 de Adelaide II para o holandês Wesley Koolhoff e o britânico Neal Skupsk por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/1.

Apesar da derrota na semifinal em que não tiveram um bom desempenho e foram dominados pelos adversários, Melo e Dodig começam bem a temporada. Além de ficar entre os quatro melhores deste torneio, semana passada eles foram vice-campeões de outro ATP 250 disputado em Adelaide. O próximo desafio da dupla será o Australian Open.

Thiago Monteiro foi eliminado nas quartas de final do ATP 250 de Adelaide II após ser derrotado pelo francês Corentin Moutet, número 115 do ranking ATP, por 2 sets a 0, com um duplo 6/4 em 105 minutos de jogo.

Atual 83 do mundo, o tenista cearense agora foca as suas atenções no Australian Open, primeiro Grand Slam do ano, aonde enfrentará novamente um francês na estreia: Benoit Paire, 47º no ranking mundial. Aos 27 anos de idade, Thiago Monteiro aos poucos vai se aproximando novamente da melhor marca de sua carreira, a 74ª posição do ranking ATP alcançada em fevereiro de 2017.

Compartilhe: