Wagner nega lesão e fala sobre expectativa pelo primeiro gol no Vila Nova

Dos oito jogos que o Vila Nova já disputou em 2022, o meia Wagner esteve em apenas quatro, mas ainda não marcou

Postado em: 24-02-2022 às 14h49
Por: Ildeu Iussef
Wagner se considera entre 80% e 90% na parte física | Foto: Fernando Brito/Vila Nova

Dos oito jogos que o Vila Nova já disputou em 2022, o meia Wagner esteve em apenas quatro, mas ainda não marcou gol e sempre foi substituído no segundo tempo. Porém, o camisa 10 colorado não se cobra e demonstra bastante tranquilidade.

“O trabalho vem sendo feito e no momento certo as coisas vão acontecer. Então o mais importante de tudo é que estamos dentro do que foi planejado para a temporada. O gol é o ponto máximo do futebol e não me cobro por isso não. Na minha carreira inteira, no momento que a equipe precisava de mim em momentos cruciais os gols saiam. Agora não será diferente. Assim, acho que o que não pode haver é colocar um peso em cima das costas porque não sou número nove, não sou atacante. Estou super tranquilo, cabeça boa e na hora que a equipe mais precisar, estaremos ali para fazer boas partidas, dar assistências e o gol sairá na hora certa”, declarou.

O jogador, de 37 anos, sabe que precisa de certas precauções ao longo da temporada e projeta estar ‘voando baixo’ na fase final do Campeonato Goiano, que será disputada no mês de março.

Continua após a publicidade

“Depois de alcançar 10 jogos no ano, eu começo a voar baixo e ter entrosamento com a equipe. Vale lembrar que são novos companheiros, uma nova maneira de se jogar, novo treinador, vários fatores que precisam encaixar para performar no ápice. Tenho muita coisa para evoluir. Na parte física, estou entre 80% e 90%. Não tive nenhuma contusão e não quero ter. Quando chegar no mata-mata, estarei 100%”.

Wagner ainda fez questão de frisar que o motivo de sua ausência em alguns jogos do Estadual é um certo cuidado da comissão técnica pelo fato de estar recém operado do ligamento cruzado do joelho, por conta da sua idade e de desgaste físico.

Os próximos compromissos do Vila Nova serão por competições diferentes. No sábado (26), o Tigre entrará em campo pelo Goianão e na próxima quarta-feira (02) pela Copa do Brasil. Nesse sentido, o meia colorado prega seriedade no duelo de sábado, para chegar bem no torneio nacional.

“Existe o jogo de sábado antes. Da maneira que estamos nos preparando, é para jogar em ritmo forte dentro de casa, que vai estar lotada. Queremos fazer nossa melhor performance até agora. Vamos jogar com grande marcação, em cima deles, criando oportunidade de gol para, se possível, apresentar nossa melhor exibição”, concluiu.

O Vila Nova medirá forças com o Crac neste sábado (26), às 16h30, no Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga (OBA), pela 9ª rodada do Goianão.

Veja Também