Em Goiânia, “Baptista Brothers” esperam alcançar bons resultados no Circuito Externo

Neste final de semana, o Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Goiânia, receberá a 2ª etapa da Stock Car e a abertura da

Postado em: 17-03-2022 às 21h37
Por: Ildeu Iussef
Felipe Baptista e seu irmão Vitor Baptista vão competir no Autódromo de Goiânia | Foto: Divulgação Acervo Pessoal (entrevistados)

Neste final de semana, o Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Goiânia, receberá a 2ª etapa da Stock Car e a abertura da temporada 2022 da Stock Series – a antiga Light, categoria de acesso à Stock Car Pro Series. Na disputa por um lugar no pódio vão estar os irmãos Felipe Baptista e Vitor Baptista que conversaram com exclusividade com o Jornal O Hoje.

Felipe Baptista, atual campeão da Stock Light, é o irmão mais novo de Vitor Baptista, que foi sua grande inspiração para iniciar no esporte. “A nossa relação de irmãos na pista é muito saudável. Eu sempre pude passar para o Felipe tudo o que vivenciei durante os anos em diferentes categorias e correndo na Europa também. Então, tudo o que eu aprendi nesses anos faço questão de passar para ele. O Felipe focou a carreira dele não na Europa, mas sim no Brasil para atingir a Stock Car e é onde ele está hoje. Eu torço para que ele possa buscar títulos e vitórias na principal categoria do automobilismo nacional”, disse Vitor Baptista.

Foto: Acervo Pessoal (Entrevistado)

Vitor Baptista, de 24 anos, é um piloto experiente com destaque nas competições de turismo e monoposto, e com títulos nacionais e internacionais. Em 2014 foi campeão da Fórmula 3 Light Brasil, correndo pela equipe Cesário Fórmula; campeão da Eurofórmula 3, em 2015 e da Porsche Cup, em 2018.

Continua após a publicidade

O piloto da W2 Racing se recorda que o começo da sua trajetória no esporte a motor foi no Kartódromo Aldeia da Serra, em São Paulo. “Quando eu tinha mais ou menos 7 para 8 anos de idade eu pedi para andar de Kart. Isso não veio de ninguém da minha família, pois meu Pai nunca tinha andado de Kart. E aí foi algo que eu curti bastante. Durante quase dois anos, andei de Kart aos domingos e aí certo dia com meus 9 anos, resolvi participar de uma competição e foi algo que me trouxe muita emoção”, disse Vitor.

Foto: Duda Bairros/Vicar

Já Felipe Baptista, 18 anos, seguindo o exemplo do irmão deu os primeiros passos no Kart aos 5 anos de idade, onde conquistou vários títulos sendo tricampeão da Copa São Paulo Light, Campeão Brasileiro Junior, Campeão Brasileiro Graduado entre outros. “Depois dos meus anos de Kart, comecei a guiar os carros de turismo. Comecei na Porsche Cup, onde fui vice-campeão em meu primeiro ano. Depois passei para a Stock Light, atual Stock Series, fui 3º colocado no primeiro ano de competição e campeão dentre os Rookies e no ano passado fui campeão da Stock Series e consegui a bolsa para subir para a Stock Car”, complementou o piloto da KTF Sports.

Juntos na pista, mas em categorias diferentes

Em fevereiro, os irmãos dividiram a pilotagem do carro #121 nas corridas que marcaram a abertura da temporada 2022 da Stock Car, no Autódromo de Interlagos. Inclusive, foi a primeira vez que competiram juntos na carreira.

Porém, neste final de semana, Felipe e Vitor Baptista vão competir em categorias diferentes. Felipe Baptista irá guiar o carro #121 da KTF Sports na Stock Car, enquanto Vitor Baptista vai guiar o carro #120 da W2 Racing na Stock Series. E a expectativa dos irmãos é de conseguirem bons resultados no traçado do Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Goiânia.

“Goiânia é uma pista que consigo sempre andar bem e tive um desempenho muito bom. Venci as duas corridas da etapa de abertura da Stock Light no ano passado. Em 2020, na minha estreia na Stock Light, consegui fazer um segundo lugar na classificação. Então é uma pista que eu consigo andar bem e vamos ver como eu consigo me sair na Stock Car, onde o nível é bem mais alto. Eu tenho pouca informação em relação ao circuito oval, mas vou ter de me adaptar para brigar por um bom resultado e conseguir um top-10”, disse Felipe Baptista.

“Estou voltando após quase dois anos sem correr um campeonato inteiro. Estou em uma equipe nova a W2 Racing, donde o Duda Pamplona e o Bochecha me abraçaram de uma forma fantástica. A W2 é uma equipe que sempre disputou o título junto com a KTF, que hoje não faz mais parte do grid. A expectativa é das melhores. Goiânia é um traçado que eu conheço, apesar das corridas (do final de semana) serem no traçado oval. Dá um friozinho na barriga estar voltando depois de dois anos. Então, nós vamos pra cima! Foco na vitória e ganhar o campeonato assim como o Felipe”, declarou Vitor Baptista.

O piloto da W2 Racing que completará 24 anos de idade no domingo (20) completou dizendo: “Final de semana de corrida, agora eu tenho de me dar o presente. Então com certeza me dá um ânimo para podermos comemorar ainda mais”.

Veja Também