GT Sprint Race: Piloto gaúcho estreante brilha no Velocitta e conquista primeira corrida

Postado em: 03-04-2022 às 15h16
Por: Ildeu Iussef
O gaúcho Arthur Gama, em sua primeira participação na categoria, deu um show no interior paulista e venceu o duelo com o experiente Gerson Campos | Foto: Luciano Santos / SiGCom

No duelo entre estreantes e mais experientes, a primeira corrida da segunda etapa da GT Sprint Race apontou a vantagem da nova geração. Na manhã deste domingo (03), no Autódromo Velocitta, em Mogi Guaçu (SP), o lugar mais alto do pódio ficou com o estreante Arthur Gama (RS), da categoria PROAM, após um duelo emocionante com o experiente paulista Gerson Campos (SP), da PRO, campeão de 2018, que ao final da corrida contou com uma penalização de 20 segundos por atitude antidesportiva contra o estreante passando a ocupar a oitava posição.

Arthur Gama marcou o tempo de 25min14seg654 para as 14 voltas completadas. A segunda colocação do geral foi do paulistano Pedro Costa, vencedor da PRO, que fez uma incrível corrida de recuperação (largou em décimo). A terceira posição ficou com o piloto da Bahia, Diogo Moscato.

“Comecei com o pé direito. Não esperava que isso pudesse acontecer logo na estreia, mas estou muito feliz. Larguei bem e tive uma batalha dura o tempo todo. Fui para o segundo lugar e, depois de um enrosco no “S”, voltei a liderar e pude conquistar o primeiro lugar. Não tenho palavras para falar o quanto estou feliz. Só tenho que agradecer a todos que me apoiam”, destacou Arthur Gama.

Pedro Costa comemorou o resultado final, Pedro, aliás, foi um dos nomes da corrida, pois ganhou nada menos que sete posições (largou em décimo). “O automobilismo é realmente impressionante. Vindo da PROAM e, agora, estar ganhando na PRO é muito gratificante. Estamos em uma excelente posição na tabela do campeonato, dá para brigar pelo título, é constância e garantir que as coisas permaneçam assim!”, diz o piloto do GTSR#77.

Ainda na PRO, Alex Seid, segundo colocado e Rafael Dias, terceiro, tiveram ótimo desempenho. Gerson Campos (#82) também destacou a emoção proporcionada por todos. “Muito equilíbrio no começo e, depois, o final de prova empolgante. Esta pista é muito legal e gosto muito de correr aqui. O Arthur guiou muito bem e está de parabéns”, disse.

A categoria AM também foi bem acirrada, com os três melhores chegando juntos. A primeira colocação, foi de Giovani Girotto (14º no geral), enquanto Alexandre Kauê ficou como segundo, e Roberto Possas em terceiro.

Compartilhe: