No Estádio do Café, Vila Nova sofre apagão, cede empate ao Londrina e segue sem vencer na Série B

O Vila Nova segue sem conhecer o sabor da vitória na Série B do Campeonato Brasileiro. Jogando no Estádio do Café, o

Postado em: 29-04-2022 às 21h06
Por: Ildeu Iussef
No Estádio do Café, Vila Nova sofre apagão e cede empate ao Londrina aos 48 minutos do segundo tempo | Foto: Fernando Brito/Vila Nova

O Vila Nova segue sem conhecer o sabor da vitória na Série B do Campeonato Brasileiro. Jogando no Estádio do Café, o Tigre empatou com o Londrina pelo placar de 2 a 2, em duelo da 5ª rodada da competição nacional.

Com esse resultado, o Vila Nova segue na zona do rebaixamento, na 17ª posição, com quatro pontos. Já o Londrina segue em 10º lugar com cinco pontos somados.

Primeiro tempo 

Continua após a publicidade

Jogando em casa, o Londrina tomou a iniciativa, começou pressionando o Vila Nova e não demorou para abrir o placar. Logo aos 2 minutos da etapa inicial, após Victor Andrade ser desarmado, o Tubarão arrancou em contragolpe e em um belo cruzamento da direita, Gabriel Santos subiu sozinho e cabeceou para o fundo das redes coloradas e abriu o placar no Estádio do Café.

O Vila Nova não se abateu, partiu para cima do adversário e chegou a empatar. Aos 7 minutos, após cobrança de escanteio, Rafael Donato, de cabeça, balançou as redes. Porém, o árbitro Diego Pombo Lopez foi chamado pelo VAR (Árbitro de Vídeo) para analisar o lance. Aos 10 minutos, após ver a jogada no monitor, o árbitro acabou anulando o gol colorado por conta de um impedimento de Victor Andrade que fez o cruzamento para Donato.

Logo na sequência, aos 12 minutos de partida, o Londrina chegou a ampliar a vantagem no marcador. Caprini deu uma caneta no marcador, em uma belíssima jogada, tocou para a fogueira da pequena área, e na sobra, Alan Ruschel, finalizou e estufou as redes do goleiro Georgemy. No entanto, o VAR entrou em ação e o gol do Tubarão foi anulado porque a bola tocou no cotovelo de Douglas Coutinho.

A “bruxa estava solta” no Estádio do Café, pois com 33 minutos da primeira etapa, o técnico Adilson Batista já tinha realizado duas substituições na equipe do Londrina. Inclusive, na saída de Samuel Santos, com dores na perna direita, Watson entrou em campo e logo no primeiro minuto recebeu um cartão amarelo.

O Vila Nova não tinha dificuldades em sair jogando, tentando encontrar espaços pelas laterais para avançar pela área do Tubarão. Entretanto, faltava ao Tigre contar com a presença dos atacantes para aproveitar os cruzamentos na área adversária.

Segundo tempo

Na volta do intervalo, precisando buscar um resultado positivo, o técnico Higo Magalhães promoveu a saída do meia Wagner para a entrada do centroavante Daniel Amorim.

Porém, foi o Londrina quem chegou primeiro. Logo aos 2 minutos da etapa final, Caprini acionou Douglas Coutinho, que finalizou, mas o goleiro Georgemy defendeu e impediu o que seria o segundo gol do Tubarão.

Nem tudo eram flores para o Londrina, pois aos 11 minutos, o lateral-direito Watson chegou com força em Victor Andrade, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso do campo de jogo. Na sequência, em cobrança de falta de Arthur Rezende, Pablo Dyego subiu mais alto que a defesa adversária, desviou de cabeça e anotou o gol de empate do Vila Nova.

Com um jogador a mais em campo, o Tigre partiu para cima do Londrina. E aos 19 minutos, Diego Tavares fez boa jogada, tocou para a área, Matheuzinho chutou de primeira, e a bola carimbou a trave. No entanto, o árbitro Diego Pombo Lopez foi chamado pelo VAR (Árbitro de Vídeo) para analisar um toque de mão do zagueiro Augusto na área do Londrina. 

Após a revisão do lance, aos 22 minutos, o árbitro assinalou pênalti para o Vila Nova. Arthur Rezende, chamou a responsabilidade, e na cobrança da penalidade, anotou o gol da virada colorada no Estádio do Café.

Porém, no apagar das luzes, aos 48 minutos do segundo tempo, após lançamento de Douglas Coutinho na área, João Paulo aproveitou a sobra, chutou pro gol e balançou as redes do goleiro Georgemy.

Agenda

Pela 6ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, na próxima terça-feira (03), o Londrina vai visitar o Bahia, às 19h, na Arena Fonte Nova, em Salvador. Enquanto o Vila Nova recebe o Náutico, às 19h da próxima sexta-feira (06), no Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia.

FICHA TÉCNICA

Londrina 2×2 Vila Nova

Data: 29 de abril de 2022

Horário: 19h

Local: Estádio do Café, em Londrina (PR)

Motivo: 5ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro

Árbitro: Diego Pombo Lopez (BA)

Assistentes: Elicarlos Franco de Oliveira (BA) e Jucimar dos Santos Dias (BA)

4º árbitro: João Paulo Romano Queiroz (PR)

VAR: Pericles Bassols Pegado Cortez (SP)

AVAR: Amanda Pinto Matias (SP)

Cartões Amarelos: Bruno Collaço, Victor Andrade, Rafael Donato e Renato (Vila Nova); Saimon, Augusto, Mandaca e Watson (Londrina)

Cartão Vermelho: Watson (Londrina)Gols: Gabriel Santos aos 2 min/1T e João Paulo aos 48 min/2T (Londrina); Pablo Dyego aos 13 min/2T e Arthur Rezende aos 22 min/2T (Vila Nova)

Londrina: Matheus Nogueira; Samuel Santos (Watson), Saimon, Augusto (Mandaca) e Felipe Vieira; João Paulo, Jhonny Lucas (Marcinho) (Mirandinha) e Alan Ruschel (Denilson); Caprini, Gabriel Santos e Douglas Coutinho. Técnico: Adilson Batista

Vila Nova: Georgemy; Alex Silva, Rafael Donato, Renato e Moacir (Bruno Collaço); Ralf (Pablo Roberto), Arthur Rezende e Wagner (Daniel Amorim); Matheuzinho (Diego Tavares), Pablo Dyego e Victor Andrade (Alisson Cassiano).Técnico: Higo Magalhães

Veja Também