Atlético Goianiense e Goiás fazem primeiro confronto entre os clubes na Copa do Brasil

Postado em: 22-06-2022 às 07h00
Por: Redação
O Dragão tenta fazer valer o mando de campo para largar na frente por uma vaga às quartas da Copa do Brasil | Foto: Álvaro de Castro/Atlético-GO

Por: Breno Modesto e Victor Pimenta

Pela primeira vez na história, Atlético Goianiense e Goiás se enfrentarão pela Copa do Brasil. O primeiro capítulo desta história será escrito hoje à noite. Às 19h, o Dragão, do técnico Jorginho, recebe o Esmeraldino, no Estádio Antônio Accioly, no jogo de ida das oitavas de finais da competição nacional.

Por conta de tudo que envolve um clássico, o comandante rubro-negro classifica a partida como “diferente e especial”. Apesar disso, Jorginho entende que será um jogo difícil, principalmente por conta do sistema defensivo de seu oponente, que se defende numa linha de cinco defensores. Desta maneira, ele cita que será necessário ter prudência ao atacar e saber como defender.

“É sempre um jogo diferente. Nós sabemos que é um jogo especial, porque existe uma rivalidade muito grande, uma rivalidade interna, uma rivalidade no Estado. E nós sabemos o peso que se tem uma vitória, uma derrota. Então, sabemos o quanto é importante para o clube e, claro, para as nossas pretensões para a sequência da temporada. Nós queremos seguir adiante. Mas sabemos o quanto vai ser difícil. A equipe que o Jair (Ventura) montou é muito bem organizada, que joga com uma linha de cinco jogadores defendendo. Teremos que ter muita prudência ao atacar e saber como defender”, disse Jorginho.

Desfalques

Além de Dudu, que está em fase de transição para voltar a atuar, o técnico Jorginho não terá o atacante argentino Diego Churín à sua disposição nesta quarta-feira (22). Isso porque o jogador já defendeu o Grêmio nesta edição da Copa do Brasil e, por conta do regulamento da competição, não pode atuar por outro clube.

Em contrapartidas às ausências, o treinador atleticano pode ter o retorno do meia-atacante Shaylon, que, lesionado, desfalcou o Dragão nos últimos dois compromissos da equipe. No último treinamento antes do clássico, o atleta participou normalmente das atividades e deve ser relacionado por Jorginho.

Goiás

No último treinamento antes da partida, o treinador Jair Ventura teve à sua disposição o elenco quase completo. Afinal, não apareceu nos gramados somente o atacante Nicolas, além dos recorrentes do departamento médico e os que já não podem atuar mais na temporada, como os atacantes Luiz Filipe e Matheusinho e, por último, o zagueiro Sidimar. O zagueiro Sidnei e o atacante Apodi ficaram na parte de transição, o primeiro, treinando em um campo à parte.

Quem o treinador pode ter retornando à equipe do último jogo, contra o Corinthians, são os zagueiros Reynaldo, Caetano e o volante Matheus Sales. Cumpriram suspensão no Brasileiro e pode jogar tranquilamente a Copa do Brasil, assim como Maguinho e Da Silva, que não podem atuar contra o Cuiabá, mas nesta quarta-feira seguem à disposição de Jair Ventura.

“Nós jogamos em um clube gigante, um clube de tradição, que é o Goiás, então nós não escolhemos adversários. É um clássico, e clássico é gostoso de jogar. Eu posso dizer que não joguei, saí no início do jogo por conta da lesão, então, será uma primeira oportunidade de estar jogando um clássico”, disse Vinicius à respeito da decisão pela Copa do Brasil. 

Para o confronto, Jair Ventura deve mudar seu esquema tático e após as entradas de Yan Souto e Da Silva, com a volta de Reynaldo e Caetano, ele deve pensar qual será a dupla de zaga que irá começar jogando. Na lateral-esquerda, deve optar por Dadá na vaga de Juan Tavares e no meio-campo, deve ser formado por três volantes, optando por Caio Vinicius, Matheus Sales e Dieguinho.

Histórico

De acordo com dados do site Futebol de Goyaz, o confronto desta quarta-feira (22) será o de número 308 da história entre Atlético Goianiense e Goiás. Quem possui o histórico do confronto ao seu lado é o Esmeraldino, que levou a melhor em 120 oportunidades. O Rubro-Negro triunfou em 108 partidas. Além disso, houveram 82 empates entre os clubes.

O último confronto entre as equipes aconteceu há pouco mais de um mês. Pela quinta rodada da atual edição do Campeonato Brasileiro, o Periquito derrotou o Dragão, em pleno Estádio Antônio Accioly, por 1 a 0. O único gol daquela tarde foi marcado pelo meia Élvis.

Ficha técnica

Atlético-GO x Goiás

Data: 22 de junho de 2022

Horário: 19h

Local: Estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO)

Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (Fifa/SP)

Assistentes: Neuza Inês Back (Fifa/SP) e Alex Ang Ribeiro (SP)

VAR: Márcio Henrique de Gois (SP)

Atlético-GO: Ronaldo; Hayner, Edson, Ramon Menezes e Jefferson; Baralhas, Marlon Freitas e Jorginho; Airton, Wellington Rato e Luiz Fernando.

Técnico: Jorginho

Goiás: Tadeu; Maguinho, Reynaldo, Caetano (Yan Souto) e Danilo Barcelos (Juan Tavares); Diego, Caio Vinicius, Matheus Sales e Dadá Belmonte; Pedro Raúl e Vinicius.

Técnico: Jair Ventura

Compartilhe: