Jorginho lamenta pontos perdidos pelo Atlético Goianiense contra o Ceará

No último domingo (26), o time comandado pelo técnico Jorginho ficou no 1 a 1 com o Vozão, na Arena Castelão.

Postado em: 27-06-2022 às 22h32
Por: Breno Modesto
No último domingo (26), o Dragão ficou apenas no 1 a 1 com o Vozão, fora de casa | Foto: Stephan Eilert/Ceará SC

Antes do confronto decisivo contra o Olimpia, do Paraguai, pelas oitavas de finais da Copa Sul-Americana, o Atlético Goianiense empatou com o Ceará, fora de casa, pelo Campeonato Brasileiro. No último domingo (26), o time comandado pelo técnico Jorginho ficou no 1 a 1 com o Vozão, na Arena Castelão.

Ao término do confronto, o treinador rubro-negro lamentou o fato de seus comandados terem “deixado escapar dois pontos”, já que começaram o jogo vencendo. Para Jorginho, o que foi determinante para o empate foi o fato de que o Dragão não conseguiu “segurar” os cearenses no início do segundo tempo, quando acabaram marcando o gol de empate.

“Fica um gostinho de que, realmente, nós perdemos dois pontos. Pelo nível de atuação que nós tivemos, principalmente no primeiro tempo, que foi um dos melhores primeiros tempos do meu time. Fizemos uma grande partida e poderíamos ter feito, talvez, dois ou três gols no primeiro tempo, pelo nível e volume de jogo que nós tivemos. O árbitro foi muito bem. Aquilo que foi anulado foi perfeito. Já vi as imagens. Então, não tem nem o que reclamar. Mas fica esse gostinho, porque, se tivéssemos conseguido suportar uns 10 ou 15 minutos no segundo tempo, seria um peso grande para o Ceará, pois a torcida estaria impaciente e uma questão psicológica seria fundamental nesse momento. Mas acabamos tomando um gol muito rápido e isso atrapalhou nossos planos”, disse Jorginho.

Continua após a publicidade

O comandante atleticano também falou a respeito de seu xará Jorginho. Segundo o comandante, além de sentir-se à vontade no Rubro-Negro, o camisa 10 está vivendo um momento maravilhoso em sua carreira, o que tem faciltado bastante.

“O nível de inteligência tática dele é perfeito. Ele é um jogador que não apenas constrói, mas que, quando precisa, ele também faz uma marcação forte e não desiste. Ele está vivendo um momento maravilhoso e nós sabemos que aqui (no Atlético-GO) é a casa dele. Dá para ver o quanto ele se sente feliz e à vontade aqui. Então, é um jogador que tem nos ajudado muito e que é uma das peças que dita o ritmo do jogo”, finalizou Jorginho.

Veja Também