Atlético faz valer mando de campo e derrota o Corinthians por 2 a 0, na ida das quartas da Copa do Brasil

O time comandado pelo técnico Jorginho recebeu e derrotou o Corinthians, no Estádio Antônio Accioly, por 2 a 0.

Postado em: 27-07-2022 às 23h37
Por: Breno Modesto
O meia Jorginho abriu caminho para a vitória do Atlético Goianiense contra o Corinthians | Foto: Alan Deyvid/Atlético-GO

O Atlético Goianiense largou na frente por uma vaga na semifinal da Copa do Brasil. Pelo jogo de ida das quartas da competição nacional, o time comandado pelo técnico Jorginho recebeu e derrotou o Corinthians, no Estádio Antônio Accioly, por 2 a 0. Jorginho e Léo Pereira marcaram os gols que garantiram o triunfo rubro-negro.

Com o resultado, o Dragão vai à cidade de São Paulo podendo perder até por um gol de diferença para avançar às semis do torneio. O duelo de volta está marcado para o dia 17 de agosto, às 21h30, na Neo Química Arena.

O jogo

Continua após a publicidade

A partida de ida das quartas de final da Copa do Brasil entre Atlético Goianiense e Corinthians começou com o Rubro-Negro pressionando. Com apenas três minutos de bola rolando, o time comandado pelo técnico Jorginho já havia levado perigo à meta defendida pelo goleiro Cássio. Depois de receber um lançamento de Marlon Freitas, Jorginho, de cabeça, ajeitou para Ricardinho, na ponta direita. O camisa 9 arriscou o chute cruzado e fez com que o arqueiro alvinegro trabalhasse pela primeira vez.

Cinco minutos depois, o Dragão teve mais uma oportunidade para abrir o placar. Pela esquerda, Wellington Rato recebeu um belo passe de Jorginho. De onde estava, o atacante tentou o chute colocado. Bem colocado, Cássio espalmou para escanteio e evitou o gol atleticano.

O Atlético seguiu “sufocando” o Alvinegro e, na marca de 22 minutos, conseguiu balançar as redes. Marlon Freitas lançou para Dudu, na ponta direita. O lateral direito chegou à linha de fundo e cruzou para o meia Jorginho, que finalizou de primeira. O chute do camisa 10 ainda desviou no zagueiro Raul Gustavo e foi morrer dentro do gol de Cássio.

No finalzinho da primeira etapa, Willian teve a melhor chance pelo lado paulista. Depois de receber um longo lançamento na ponta direita, o camisa 10 resolveu arriscar da entrada da área. A finalização, que saiu forte, parou nas mãos de Ronaldo, que defendeu sem dar rebote.

Na segunda etapa, quem começou em cima foi o Corinthians. Em seis minutos, o Alvinegro havia chegado com perigo em duas oportunidades. A primeira, com Yuri Alberto, logo no primeiro minuto. Depois, com Adson, aos seis. A resposta do Rubro-Negro veio pouco depois, com Jorginho, que recebeu de Peglow e finalizou. O chute do camisa 10 passou tirando tinta da trave de Cássio.

As equipes seguiram no ataque, mas quem conseguiu marcar foi o Dragão. No finalzinho, aos 42, Léo Pereira fez um golaço. O camisa 21, que havia entrado no lugar de Wellington Rato, recebeu na entrada da área, puxou para o meio e tentou o chute colocado, que foi no ângulo de Cássio, que até se esticou, mas não conseguiu evitar o tento atleticano.

Ficha técnica
Atlético-GO 2×0 Corinthians

Data: 27 de julho de 2022
Horário: 21h30
Local: Estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO)

Gols: Jorginho (22’/1T) e Léo Pereira (42’/2T) – ACG

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (CE)
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa (Fifa/RJ) e Nailton Junior de Sousa Oliveira (CE)
VAR: Adriano Milczvski (PR)

Atlético-GO: Ronaldo; Dudu (Hayner), Wanderson, Édson Felipe e Jefferson; Gabriel Baralhas, Marlon Freitas e Jorginho (Shaylon); Wellington Rato (Léo Pereira), Ricardinho (Luiz Fernando) e Peglow (Airton).
Técnico: Jorginho

Corinthians: Cássio; Fagner (Rafael Ramos), Gil, Raul Gustavo (Balbuena) e Lucas Pitón; Cantillo (Fausto Vera), Du Queiroz (Giuliano), Maycon e Willian; Róger Guedes (Adson) e Yuri Alberto.
Técnico: Vítor Pereira

Veja Também