Goiás enfrenta o Coritiba na Serrinha em partida que abre o returno do Campeonato Brasileiro

Equipes estão empatadas com 22 pontos conquistados, Goiás é o 14º, logo atrás do Coritiba, que leva vantagem por ter uma vitória a mais que o Esmeraldino

Postado em: 30-07-2022 às 08h00
Por: Maiara Dal Bosco
Com campanhas semelhantes até aqui, Goiás e Coritiba fazem jogo importante para subir na tabela e se afastar do Z4 | Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás EC

Neste sábado (30), o Goiás entra em campo para enfrentar o Coritiba, na Serrinha. Marcada para às 16h30, a partida, válida pela 20ª rodada da Série A e primeira do returno, coloca frente a frente duas equipes com campanhas semelhantes na competição, neste momento, inclusive, com a mesma pontuação. Empatados com 22 pontos, o Coritiba é o 13º, à frente do Goiás, 14º, por ter seis vitórias, uma a mais que o Esmeraldino.

Em um jogo de adversários diretos, o técnico Jair Ventura destaca que somente a vitória interessa ao Goiás. “Vamos em busca do nosso objetivo, que é a vitória. Principalmente pelo returno, temos o objetivo de fazer um returno melhor que o turno, que iniciamos com zero pontos contra o Coritiba, perdemos o jogo lá e precisamos fazer mais pontos do que o 1º turno e vencer esse jogo. Respeitamos a equipe do Coritiba, mas dentro da Serrinha temos que impor o nosso jogo e faremos de tudo pra sair com a vitória junto com o torcedor Esmeraldino”, afirma.

O técnico também avalia que o segundo turno do campeonato tende a ser mais difícil que o primeiro. “Terminamos um turno, agora iniciamos o segundo, que historicamente é mais difícil, principalmente por conta dos times que têm um poder de investimento maior, que entram mais fortes no returno por conta das contratações e dos investimentos. Por isso, a gente tem que pontuar o quanto antes para que a gente consiga alcançar o nosso grande objetivo que é o Goiás não retornar para a Série B”, frisa Ventura.

Continua após a publicidade

Jair Ventura frisou ainda que está feliz no Goiás e que vê o crescimento da equipe. “Todos nós sabíamos que ia ser muito difícil, e se tornou cada vez mais difícil por conta das perdas que nós tivemos, e, dentro de todas as dificuldades, a gente vê a equipe do Goiás numa evolução como equipe, mesmo com tantas perdas, principalmente nos dois últimos jogos, falando de performance.”, destaca.

Ele também voltou a questionar a arbitragem. “No jogo contra o Fluminense fomos prejudicados pela arbitragem, onde tranquilamente poderíamos ter saído com a vitória, um dos jogos que tivemos chance clara de vencer. Já no Morumbi, fizemos três gols, sendo que é muito difícil enfrentar o São Paulo, a gente sai na frente, sofre uma virada, busca, tivemos chances também e mesmo com a arbitragem prejudicando a gente mais uma vez, consegue sair com um empate e uma grande partida”, finaliza.

Ficha Técnica
Goiás x Coritiba

Data: 30 de julho de 2022
Horário: 16h30
Local: Hailé Pinheiro (Serrinha), em Goiânia (GO)

Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhaes (RJ)
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (RJ) e Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ)
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)

Goiás: Tadeu; Maguinho, Caetano, Danilo Cardoso (Reynaldo) e Sávio; Caio Vinícius, Diego e Vinícius; Nicolas, Pedro Raul e Dadá Belmonte.
Técnico: Jair Ventura

Coritiba: Alex Muralha; Matheus Alexandre, Henrique, Luciano Castán e Egídio; Willian Farias, Bernardo (Bruno Gomes ou Val) e Régis; Alef Manga, Léo Gamalho e Igor Paixão.
Técnico: Gustavo Morínigo

Veja Também